Início » Internacional » Joaquim Levy anuncia que governo irá aumentar impostos
Economia

Joaquim Levy anuncia que governo irá aumentar impostos

Medida tem como objetivo recuperar a economia. Levy disse também que Petrobras deverá regular seus preços como uma empresa

Joaquim Levy anuncia que governo irá aumentar impostos
Joaquim Levy indo para o encontro com a presidente Dilma. Medidas do novo ministro na Petrobras são vistas com bons olhos pelos especialistas (Foto: Reprodução/Folha)

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, disse que o governo anunciará em breve um aumento de impostos. Levy disse também que a Petrobras passará a regular o preço do combustível de acordo com o mercado. O anúncio sinaliza o fim da política de intervenção do governo, que mantinha o preço do combustível artificialmente baixo para controlar a inflação.

Uma das mudanças nos tributos será o retorno do Cide, imposto que regula o preço dos combustíveis, zerado desde 2012. Também deverá ter aumento na alíquota do PIS/Cofins sobre produtos importados e na tributação de cosméticos.

Os proprietários de pequenas empresas de prestação de serviço também terão que fornecer uma maior fatia ao governo. O objetivo é aproximar ao percentual de imposto pago por pessoa física, 27,5%, hoje é perto de 4%.

“A gente não tem o objetivo de fazer um saco de maldades, um pacote, nada disso. Mas a gente vai ter que tomar algumas medidas”, disse o ministro.

Mudanças na Petrobras

Levy defende que a Petrobras deve regular seus preços como uma empresa. Críticos do governo afirmam que, nos últimos anos, o antigo ministro da Fazenda, Guido Mantega, vinha mantendo o preço dos combustíveis artificialmente baixos para controlar a inflação, medida que teria prejudicado os cofres da empresa.

Os preços de combustíveis no Brasil passaram a ser os maiores praticados no mercado internacional à medida que o preço do petróleo caiu. “Não tenho elementos para avaliar como era antes, mas minha sensibilidade indica que ela vai cada vez mais tomar decisões de peso segundo avaliação empresarial”, afirmou Levy.

O presidente do Centro Brasileiro de Infra-Estrutura, Adriano Pires, acredita que, pelas declarações de Levy, as medidas adotadas serão corretas, diferentemente de Mantega, que teve uma influência ruim sobre a administração da petrolífera. Porém ele acredita que é preciso mudar o modelo de gestão.

“As declarações de Levy parecem ir na direção correta. Mas o ideal, para alinhar a Petrobras às práticas de mercado, seria que o seu Conselho não fosse presidido pelo Ministro da Fazenda. Caso contrário, será mais difícil fazer com que a empresa deixe de ser usada como instrumento da política econômica”, concluiu Pires.

Fontes:
Folha-Governo vai anunciar aumento de tributos nos próximos dias
BBC-Levy acena com mudança em política de preços na Petrobras

2 Opiniões

  1. troiano disse:

    Mas digamos que esse aumento de impostos vai fazer com que as coisas comecem a funcionar, vamos ter mais Saúde, mais Educação, mais Segurança ou é apenas para inchar ainda mais a máquina do governo?

  2. Daniel disse:

    Ou os propietários de pequenas empresas baixam as portas ou vão ter que sonegar! Não tem saída!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *