Início » Internacional » Joseph Blatter renuncia à presidência da Fifa
Fifa

Joseph Blatter renuncia à presidência da Fifa

À frente da instituição desde 1998, Joseph Blatter disse não ter o apoio necessário para seguir como presidente do órgão

Joseph Blatter renuncia à presidência da Fifa
Na última quarta-feira, 27, dois dias antes da eleição presidencial, sete membros do comitê executivo foram presos acusados de corrupção (Foto: Wikimedia)

Nesta terça-feira, 2, Joseph Blatter renunciou ao cargo de presidente da Fifa, dias depois ser reeleito para seu quinto mandato. O dirigente suíço, que está à frente da instituição desde 1998, convocou o Comitê Executivo de forma extraordinária para escolher um novo mandatário.

Leia mais: Blatter é reeleito presidente da Fifa, apesar de escândalo
Leia mais: Dos dirigentes da Fifa indiciados pelo FBI até agora, apenas um não é latino-americano

Ele disse que não estava com o apoio necessário para seguir como presidente do órgão mais importante do futebol mundial. O comitê executivo extraordinário, por sua vez, será convocado entre o final deste ano e o começo do próximo para a escolha do novo presidente.

Na última quarta-feira, 27, dois dias antes da eleição presidencial, sete membros do comitê executivo foram presos acusados de corrupção. Muitas federações pediram o adiamento do pleito, mas isto não ocorreu. Blatter venceu o único candidato de oposição, o príncipe da Jordânia Ali bin Al-Hussein.

Apesar de o suíço afirmar que as prisões ajudavam a limpar a Fifa, na última segunda-feira, 1, seu principal braço-direito, Jerome Valcke, foi acusado de ter dado autorização para que US$ 10 milhões de um fundo da Associação de Futebol da África do Sul (Safa) fossem para o vice-presidente da Concacaf (Confederação das Américas Central e do Norte), Jack Warner, um dos detidos pelo caso de corrupção revelado pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

Fontes:
ESPN-Blatter renuncia à presidência da Fifa

1 Opinião

  1. Natanael Sperotto disse:

    Dada a quantidade de brasileiros envolvidos com os ‘malfeitos” da CBF \ FIFA, a corrupção vai ser o nosso principal produto de exportação.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *