Início » Internacional » Kiev acusa Rússia de enviar tanques e combatentes para a Ucrânia
Cessar-fogo ameaçado

Kiev acusa Rússia de enviar tanques e combatentes para a Ucrânia

Apesar da trégua acertada em 05 de dezembro de 2013, há casos esporádicos de violência entre as duas frentes na região

Kiev acusa Rússia de enviar tanques e combatentes para a Ucrânia
Tanques e caminhões com munição e combatentes entraram na Ucrânia quinta-feira (Reprodução / Internet)

As Forças Armadas de Kiev afirmam que 32 tanques, 16 sistemas de artilharia e caminhões carregando munição e combatentes cruzaram a fronteira da Rússia para o leste da Ucrânia na última quinta-feira, 6. O porta-voz Andriy Lysenko disse em pronunciamento na TV que “o deslocamento e envio de mercenários russos para a linha de frente continua nesta sexta-feira”.

O envio de combatentes na fronteira acontece após rebeldes pró-Rússia  no leste da Ucrânia afirmarem que forças do governo de Kiev lançaram uma nova ofensiva, o que foi negado de imediato pelo governo ucraniano.

Apesar da trégua acertada em 05 de dezembro de 2013, há casos esporádicos de violência entre as duas frentes na região.  O conflito já deixou mais de 4 mil mortos.

Após os líderes separatistas terem realizado eleições nas autoproclamadas “repúblicas populares” do leste da Ucrânia no último domingo, 2, o cessar-fogo ficou fragilizado durante toda  semana e separatistas e o governo central trocaram acusações de violações.

Fontes:
Estadão - Tanques cruzam fronteira da Rússia para a Ucrânia, dizem militares de Kiev

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *