Início » Economia » Líderes europeus estão empenhados em manter a Grécia na zona do euro
Crise na Grécia

Líderes europeus estão empenhados em manter a Grécia na zona do euro

Líderes europeus temem que a saída da Grécia da zona do euro inicie um abandono em massa da moeda única por países economicamente abalados, como Portugal e Espanha

Líderes europeus estão empenhados em manter a Grécia na zona do euro
Nesta terça-feira, 7, estão previstas reuniões com líderes da UE para discutir o impasse (Foto: Flickr)

Líderes da União Europeia aguardam uma contraproposta da Grécia para a concessão de um plano de resgate financeiro ao país. No último domingo, 5, em referendo, a população grega rejeitou massivamente os termos da proposta europeia, que tinha como ponto principal o corte de pensões.

Leia mais: Vitória do ‘não’ pode custar caro à Grécia

Muitos líderes europeus estão empenhados em impedir que o impasse tire a Grécia da zona do euro, pois temem que outros países do bloco sigam o exemplo grego e iniciem um abandono em massa da moeda única. Países economicamente abalados da zona do euro, como Portugal e Espanha, estão acompanhando de perto a negociação grega.

Nesta terça-feira, 7, o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, terá de provar para a Alemanha e para outros países do bloco que tem pulso firme para controlar os gastos do país para que um dia a Grécia possa pagar o empréstimo concedido no plano de resgate.

Na semana passada, a Grécia se tornou o primeiro país desenvolvido a dar calote no o Fundo Monetário Internacional (FMI), deixando de pagar ao órgão uma parcela de 1,6 bilhão de euros de sua dívida.

Líderes da UE se reunirão nesta terça-feira, 7, para discutir o impasse. O primeiro-ministro francês, Manuel Valls, disse que a França não pretende “correr o risco de deixar a Grécia sair da zona do euro”. “As bases para o acordo já existem. O governo francês fará de tudo para manter a Grécia na zona do euro”.

A primeira-ministra alemã, Angela Merkel, disse que pretende se esforçar para manter a Grécia na zona do euro. “Queremos manter a moeda única, para isso é necessário que todos dividam as responsabilidades, como uma solidariedade compartilhada”, disse Angela, em Paris, onde teve uma reunião de emergência com o presidente francês, François Hollande, para discutir o assunto.

Fontes:
The Washington Post-With Greece’s fate on the line, European leaders weigh risks

1 Opinião

  1. Joma Bastos disse:

    Se a Grécia deixar a moeda do EURO e o Eurogrupo, certamente que é muito provável uma desagregação da União Europeia, porque deixará de haver sentimento de coesão econômica e social entre os países integrantes desta coligação.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *