Início » Vida » Ciência » Memórias podem ser transmitidas através de gerações
memória genética

Memórias podem ser transmitidas através de gerações

Estudo mostra que traumas podem afetar o DNA no esperma e no óvulo, alterando o cérebro e o comportamento de gerações futuras

Memórias podem ser transmitidas através de gerações
Experiências vivenciadas pelos pais, mesmo antes da reprodução, afetam comportamento de gerações futuras (Reprodução/SPL)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Um estudo feito por cientistas da Emory University School of Medicine, EUA, revelou que o comportamento humano pode ser influenciado por experiências vividas por gerações passadas, que são transmitidas por uma espécie de memória genética.

De acordo com a pesquisa, eventos traumáticos são capazes de afetar o DNA no esperma e no óvulo, alterando o cérebro e o comportamento de gerações futuras.

No estudo, cientistas treinaram camundongos para temer o cheiro de um odor similar ao da flor de cerejeira. Depois, os cientistas observaram que, mesmo sem ter passado pelo treinamento, os “netos” dos camundongos utilizados no estudo herdaram a aversão ao cheiro. O estudo foi publicado na revista científica Nature Neuroscience.

Os cientistas também constataram que o trecho do DNA responsável pela sensibilidade à essência da flor de cerejeira estava mais ativo na célula reprodutiva dos camundongos utilizados no estudo. “As experiências vivenciadas pelos pais, mesmo antes da reprodução, influenciaram fortemente tanto a estrutura quanto a função no sistema nervoso das gerações subsequentes”, concluiu o relatório do estudo.

Descoberta pode auxiliar e desordens neuropsiquiátricas

A descoberta sugere a existência de uma “herança epigenética transgeracional”, em que o ambiente afeta os genes de um indivíduo refletindo no comportamento de gerações futuras. Especialistas acreditam que o estudo dessa memória é essencial para o entendimento de desordens como fobia, ansiedade, estresse e desordens de estresse pós-traumático.

“A saúde pública precisa urgentemente levar em conta as respostas transgeracionais humanas. Acredito que não entenderemos o aumento nas desordens neuropsiquiátricas ou a obesidade, diabetes e as perturbações metabólicas sem esse tipo de abordagem multigeracional”, diz o cientista Marcus Pembrey, da Universidade College London.

Fontes:
BBC-'Memories' pass between generations

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. olbe disse:

    Pobres dos judeus descendentes do HOLOCAUSTO!!!!!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *