Início » Internacional » Ministro das Finanças da Grécia renuncia ao cargo
Após referendo

Ministro das Finanças da Grécia renuncia ao cargo

Desligamento acontece apesar da vitória do 'não' no referendo deste domingo

Ministro das Finanças da Grécia renuncia ao cargo
Decisão de Yanis Varoufakis foi postada em seu blog (Fonte: Reprodução/Wikimedia)

Apesar da vitória do “não” no referendo deste domingo, 5, o ministro das Finanças da Grécia, Yanis Varoufakis, anunciou sua renúncia ao cargo em uma publicação em seu blog.

Yanis Varoufakis havia ameaçado renunciar caso a população fosse favorável à proposta de resgate dos credores. De acordo com a agência de notícias Efe, o objetivo é facilitar as negociações do governo grego com credores.

“Pouco após anunciar os resultados do referendo foi comunicado que havia certas preferências de alguns participantes do Eurogrupo que seria melhor que estivesse ausente destas reuniões, uma ideia que o primeiro-ministro considerou potencialmente útil”, disse Varoufakis ao anunciar sua renúncia.

“Nós na esquerda sabemos como atuar coletivamente sem pôr o interesse nos privilégios do cargo. Respaldarei plenamente o primeiro-ministro Tsipras, o novo ministro das Finanças e nosso governo”, ressaltou o agora ex-ministro.

O nome do novo ministro das Finanças será anunciado após encontro de líderes políticos nesta segunda-feira, 6, segundo um porta-voz do governo grego.

Com 100% dos votos apurados, 61,31% dos eleitores gregos votaram contra a proposta dos credores, que exigem aumento de impostos e cortes nas aposentadorias.

Após o resultado, o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, afirmou que o referendo “não teve ganhadores nem vencedores. É uma grande vitória em si mesma […] Mesmo nas circunstâncias mais difíceis, a democracia não pode sofrer chantagem […] Os gregos fizeram uma escolha corajosa. Sua resposta vai alterar o diálogo existente com a Europa”.

O premier ressaltou que a prioridade imediata é restabelecer o sistema bancário e a estabilidade econômica da Grécia.

A Comissão Europeia anunciou que respeita o resultado do referendo e que o seu presidente, Jean-Claude Juncker, consultará nesta segunda altos dirigentes de instituições europeias.

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, convocou uma cúpula da zona do euro, em Bruxelas, que deve ser realizada nesta terça-feira, 7, “para discutir a situação após o referendo na Grécia”.

Fontes:
G1 - Ministro das Finanças da Grécia anuncia renúncia do cargo

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *