Início » Internacional » Mortes em conflito na Ucrânia passam de 6 mil
ONU

Mortes em conflito na Ucrânia passam de 6 mil

Órgão da ONU afirma que 'muitos [civis] ficaram presos em zonas de conflito, forçados a se abrigar em porões, sem água, comida, eletricidade ou suplementos médicos básicos'

Mortes em conflito na Ucrânia passam de 6 mil
Área destruída por combates em Donetsk (Fonte: Reprodução/AP)

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos informou nesta segunda-feira, 2, que mais de 6 mil pessoas morreram no leste da Ucrânia desde o início do conflito, há quase um ano.

De acordo com a ONU, trata-se de “uma impiedosa devastação de vidas civis e da infraestrutura na região”.

Centenas de pessoas, incluindo civis e militares, morreram nas últimas semanas após a intensificação da luta nos arredores do aeroporto de Donetsk e na região ferroviária de Debaltseve.

O órgão da ONU ressalta também a ocorrência de prisões arbitrárias, tortura e desaparecimentos forçados, “cometidos principalmente por grupos armados, mas em algumas instâncias, por autoridades ucranianas”.

Ainda segundo o órgão, há “relatos críveis que indicam um fluxo contínuo de armas pesadas e de combatentes estrangeiros” na fronteira entre a Ucrânia e a Rússia, o que seria mais uma indicação do envolvimento direto de Moscou na crise.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos afirma ainda que “muitos [civis] ficaram presos em zonas de conflito, forçados a se abrigar em porões, sem água, comida, eletricidade ou suplementos médicos básicos”.

Fontes:
Veja - ONU: mortes no leste da Ucrânia já passam de 6.000

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *