Início » Economia » Na Espanha, mais de 500 famílias perdem suas casas todos os dias
Crise econômica

Na Espanha, mais de 500 famílias perdem suas casas todos os dias

Órgão do governo espanhol registrou 46.559 despejos apenas no primeiro semestre deste ano

Na Espanha, mais de 500 famílias perdem suas casas todos os dias
Situação econômica da Espanha agrava pobreza no país (Fonte: Reprodução/AP)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A atual situação econômica da Espanha vem refletindo diretamente na vida de sua população. Estima-se que a cada dia mais de 500 famílias sejam despejadas no país, seja por falta de pagamento do aluguel ou das prestações do financiamento do imóvel.

Leia também: Os problemáticos bancos espanhóis
Leia também: Bem-vindo de volta à crise da zona do euro

O Conselho Geral do Poder Judicial, órgão do governo espanhol, registrou 46.559 despejos apenas no primeiro semestre. Desde 2008, quase 400 mil não conseguiram pagar a hipoteca.

Uma entidade criada para chamar atenção para o problema dos despejos em decorrência das inadimplências, chamada Plataforma dos Afetados pela Hipoteca, acredita que, se esse ritmo continuar, mais de 180 mil famílias podem perder suas casas neste ano na Espanha.

Até 6 milhões de moradias desocupadas

Uma das fundadoras da entidade critica o fato de a legislação amparar as instituições bancárias, mas não os espanhóis que perdem o emprego e ficam sem condições de pagar o empréstimo.

Atualmente, sobram casas vazias na Espanha. Uma estimativa preliminar aponta para um total entre 5 milhões e 6 milhões de moradias desocupadas no país, representando 20% do estoque imobiliário residencial.

Fontes:
Estadão - Mais de 500 famílias são despejadas por dia na Espanha

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *