Início » Cultura » Nova biografia de Lawrence da Arábia tenta desvendar o enigma de sua vida
Biografia

Nova biografia de Lawrence da Arábia tenta desvendar o enigma de sua vida

Embora cada etapa da vida de Lawrence seja envolta em mistérios, a parte inicial é menos fantasiosa e lendária e, portanto, mais acessível de ser compreendida

Nova biografia de Lawrence da Arábia tenta desvendar o enigma de sua vida
Lawrence era um jovem reservado e, ao mesmo tempo, curioso, cético em relação às verdades óbvias (Reprodução/Hulton Archive)

Em seus primeiros anos de vida, Ned Lawrence percebeu que sua família era diferente, de uma maneira não explícita, de outras famílias, e que ele não parecia com os quatro irmãos. Esse início de vida mais difícil poderia inibir uma personalidade ou estimulá-la. Em The Young T.E. Lawrence, uma biografia peculiar, mas rigorosa, Anthony Sattin, um escritor de viagens inglês, descreve como a infância e a juventude do homem que conhecemos como Lawrence da Arábia marcaram sua personalidade.

Outros livros sobre Lawrence e um filme famoso, o descreveram como um herói da Primeira Guerra Mundial, que instigou a revolta dos árabes contra o Império Otomano, ajudou-os a conquistar grandes vitórias e defendeu a causa dos árabes, com resultados decepcionantes, nas negociações pós-guerra. Sattin, cujo livro foi publicado na Grã-Bretanha em outubro de 2014, e só agora está sendo editado nos Estados Unidos, analisa a vida de Lawrence antes desse período. O livro relata sua infância e juventude, os estudos em Oxford e, em seguida, o trabalho brilhante como arqueólogo na Síria e na Palestina. Embora cada etapa da vida de Lawrence seja envolta em mistérios, a parte inicial é menos fantasiosa e lendária e, portanto, mais acessível de ser compreendida, como sugere o autor.

Mas só um pouco. O fato de ser um estudante de classe média em Oxford na virada do século XX, já era uma idiossincrasia. Ele era um jovem reservado e, ao mesmo tempo, curioso, cético em relação às verdades óbvias, se entediava com facilidade, mas era apaixonado por história medieval, catedrais e placas de bronze ornamentais das igrejas. Na adolescência, ele tinha o hábito de passear pelos terrenos baldios em sua cidade natal, onde recolhia fragmentos de potes e jarros, reconstituía os objetos e os entregava aos curadores de museus agradecidos.

Biógrafos como Anthony Sattin precisam ser arqueólogos e restauradores em suas pesquisas, além de terem de fazer um trabalho minucioso de seleção das evidências encontradas e montagem das peças do quebra-cabeça de seus biografados. Mas nem sempre as peças formam um conjunto compreensível de um ser humano; muitos detalhes da vida de Lawrence continuam a ser um enigma, porque essa era sua intenção.

Fontes:
Economist-Enigmatic mystery

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *