Início » Cultura » Nova biografia retrata Reagan de uma forma mais realística
Livros

Nova biografia retrata Reagan de uma forma mais realística

Nova biografia de Ronald Reagan mostra um lado mais real e interessante do ex-presidente americano do que a caricatura criada em torno de sua imagem

Nova biografia retrata Reagan de uma forma mais realística
'Reagan: The Life' contém poucas informações que poderão surpreender historiadores profissionais (Foto: Wikipedia)

Mais de dez anos após sua morte, Ronald Reagan ainda divide a opinião pública. Os conservadores americanos o veneram quase como um semideus. Reagan reduziu os gastos governamentais, recuperou a economia e contribuiu para o fim da Guerra Fria; todos os candidatos republicanos lhe prestam homenagem. A esquerda o despreza por ser detestável e idiota, um ator de “filmes B” que foi eleito para a Casa Branca por causa de um charme falso, um homem que cochilava nas reuniões, aumentou os déficits orçamentários e apoiou déspotas execráveis de países do Terceiro Mundo, da Argentina ao Zaire.

Mas a verdade é mais interessante do que a caricatura e a nova biografia de H.W. Brands, Reagan: The Life, relata sua história como um leitor gostaria de ler em um único volume. Um escritor lúcido e espirituoso, Brands descreve os fatos em capítulos curtos, que se desenrolam com o mesmo ritmo dos filmes de ação estrelados por Reagan e que lhe renderam o apelido de Gipper. O autor tem um talento especial para deixar que suas fontes tenham expressão própria. Seus relatos incluem não só políticos e Reagan, como também seus filhos, tão negligenciados como os de qualquer pai famoso. Convidado a discursar no colégio interno do filho adotivo Michael, Reagan não reconheceu o garoto que usava um barrete, assim como os outros estudantes na cerimônia de formatura. “Meu nome é Ronald Reagan. E o seu?” perguntou. “Você se lembra de mim?” respondeu o garoto com uma voz triste: “Eu sou seu filho Mike.”

Reagan: The Life contém poucas informações que poderão surpreender historiadores profissionais, porém os leitores leigos vão descobrir fatos esclarecedores. Brands narra as vitórias de Reagan e os escândalos com a mesma imparcialidade, e conclui que as realizações de Gipper são comparáveis às de Franklin D. Roosevelt, o presidente que conduziu os Estados Unidos em direção à vitória na Segunda Guerra Mundial.

Fontes:
The Economist-The great storyteller’s story

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *