Início » Economia » Nova regra de roaming na União Europeia
UNIÃO EUROPEIA

Nova regra de roaming na União Europeia

A partir deste mês, não existe mais esta taxa de roaming dentro da União Europeia

Nova regra de roaming na União Europeia
A batalha para acabar com as taxas sempre foi um objetivo político europeu (Foto: Pixabay)

Esperar que um smartphone ache o sinal depois do avião pousar virou rotina para quem viaja. Enquanto isso, um processo complexo acontece. A rede móvel local liga para a rede natal do viajante, perguntando se ele aceita a taxa de conexão. A conexão só acontece se ele aceitar. Então, o viajante está usando o roaming, ou seja, usando uma rede internacional. Quando o viajante volta, ele percebe bem essa conexão na conta. No entanto, desde o dia 15, não existe mais esta taxa de roaming dentro da União Europeia.

A batalha para acabar com as taxas sempre foi um objetivo político europeu. Viviane Reding, que era a comissária europeia responsável pela regulamentação de mídia e telecomunicação, em 2006, anunciou este projeto dizendo “apenas quando você usa seu celular é que percebe que ainda há fronteiras na Europa”. A complicação de usar um celular vem do fato da forma e das propriedades da rede dependerem da geografia física e social do país. Isso significa que alguns países cobram mais que outros pelo acesso. As redes cobram uma taxa para permitir que redes estrangeiras tenham acesso. A taxa depende do relacionamento entre essas redes e o quanto de fluxo há entre elas.

De acordo com a nova medida, os consumidores não precisam mais se preocupar com isso. Qualquer plano europeu vai funcionar em qualquer lugar da Europa sem custo extra. As redes vão continuar pagando para que seus consumidores tenham acesso a redes internacionais, mas estas taxas não vão ser mais repassadas para as taxas de roaming.

No entanto, a nova regra pode não ser bem recebida por europeus que não utilizam o roaming. É possível que eles tenham de arcar com os custos gerados pelo fim do roaming, já que as operadoras terão de repassar para alguém o valor gerado pela perda da receita com as taxas.

Fontes:
The Economist-The EU’s new roaming rules

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *