Início » Internacional » Novos atentados são planejados contra países europeus, diz premier francês
TERRORISMO

Novos atentados são planejados contra países europeus, diz premier francês

'Vamos viver muito tempo com esta ameaça terrorista. E, sem dúvida, é preciso se preparar para as réplicas', afirmou Manuel Valls

Novos atentados são planejados contra países europeus, diz premier francês
Segundo Manuel Valls, a França pode ser atacada novamente 'nos próximos dias, nas próximas semanas' (Fonte: Reprodução/AFP)

O primeiro-ministro francês, Manuel Valls, afirmou nesta segunda-feira, 16, em entrevista à rádio RTL, que novos atentados estão sendo preparados contra a França e outros países europeus.

Leia também: França bombardeia reduto do Estado Islâmico na Síria
Leia também: Terrorista e carro são identificados em Paris

Ainda de acordo com o premier, a França deve estar preparada porque pode ser atacada novamente “nos próximos dias, nas próximas semanas”.

“Eu não digo isso para fazer medo, mas para que cada um esteja consciente. Os franceses retomam o trabalho após esses dias terríveis, as crianças voltam para a escola. A vida deve ser retomada evidentemente, mas nós vivemos e nós vamos viver muito tempo com esta ameaça terrorista. E, sem dúvida, é preciso se preparar para as réplicas [dos ataques]”, ressaltou Manuel Valls.

Em relação à Conferência de Paris sobre o Clima, a COP21, prevista para acontecer entre os dias 30 de novembro e 11 de dezembro, o premier afirmou que o evento ficará concentrado na negociação e que os shows e atividades festivas serão “sem dúvida cancelados”.

Manuel Valls disse também que “nenhum chefe de Estado, nenhum chefe de Governo apresentou um pedido de adiamento” da COP21.

O premier afirmou ainda que os atentados da última sexta-feira, 13, em Paris foram “organizados, pensados e planejados a partir da Síria”. Nesta segunda, a polícia francesa realiza mais de 150 operações anti-islamitas. As ações fazem parte do estado de emergência decretado pelo governo após os ataques que deixaram pelo menos 129 mortos e mais de 350 feridos na capital francesa.

Fontes:
G1 - Premiê francês alerta que novos atentados são planejados na Europa

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. olbe disse:

    É preciso com urgência monitorar as redes sociais e se possível suspender pq sem internet eles não podem se conectar; tentar evitar que recebam armas, de onde elas vem? Quem fornece? E seguir o caminho do dinheiro: alguém os sustenta, de onde vem o dinheiro? É preciso bloquea-lo. Só bombardear não vão conseguir muito, eles estão infiltrados no mundo inteiro e a coisa que temos em abundância é adolescente insatisfeito e sem perspectivas, fáceis de serem manipulados….

  2. olbe disse:

    E esqueci de lembrar: limpar a Europa dos homens conhecidos, fichados como terroristas
    Eles e suas famílias, que com certeza os encobrem devem voltar para Síria. Os muçulmanos que se adaptam aos costumes europeus, que são de paz e convivem bem devem ser protegidos senão inocentes vão pagar por esta barbárie e logo logo vão aparecer franceses querendo fazer justiça com as próprias mãos.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *