Início » Internacional » Número de estrangeiros no jihad aumentou 71%, diz ONU
Terrorismo islâmico

Número de estrangeiros no jihad aumentou 71%, diz ONU

Este foi o maior aumento desde que o conflito contra o Estado Islâmico começou

Número de estrangeiros no jihad aumentou 71%, diz ONU
Carreata com bandeiras do Estado Islâmico na Síria (Reprodução/Reuters)

Um relatório da ONU revela um aumento de 71%, entre março de 2014 e março de 2015, no número de estrangeiros que lutam em grupos terroristas como o Estado Islâmico (Isis) e a Al Qaeda . O levantamento também indica que 25 mil cidadãos de mais de cem países saíram para lutar principalmente na Síria e no Iraque. Este foi o maior aumento desde que o conflito contra o Isis começou. A infromação é da Associated Press.

“O número total de terroristas subiu consideravelmente de poucos mil, de uma década atrás, para mais de 25 mil atualmente”, diz um trecho.

As Nações Unidas estimam que 6.500 estrangeiros estavam na jihad no Afeganistão, enquanto outras centenas estariam no Iêmen, na Líbia e no Paquistão. Além disso, mais de cem estariam com o al-Shabaab na Somália.

Países como Tunísia, Marrocos, França e Rússia foram apontados como os que tiveram fortes aumentos de fluxo de terroristas. Até mesmo países como Finlândia e Maldivas tiveram aumento na saída de cidadãos para a jihad.

Os grupos terroristas, por sua vez, estão criando escolas internacionais de terrorismo nos países, como já havia sido divulgado em outros levantamentos da ONU. Ainda segundo as Nações Unidas, menos de 10% dos indivíduos estão em listas de monitoramento por parte de seus países e de sistemas internacionais, sendo a Turquia uma exceção. O local é ponto-chave para a ida à Síria.

Fontes:
O Globo-ONU: Número de estrangeiros lutando na jihad cresceu 71% nos últimos 12 meses

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *