Início » Internacional » Número de refugiados em 2012 deve ser recorde
ONU

Número de refugiados em 2012 deve ser recorde

Desde o início do ano 'mais de 700 mil pessoas fugiram da República Democrática do Congo, Mali, Sudão e Síria'

Número de refugiados em 2012 deve ser recorde
Menina refugiada síria em um campo na fronteira com a Turquia, país vizinho (Fonte: Reprodução/AP)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O chefe do Alto Comissariado da ONU para Refugiados (Acnur), António Guterres, informou nesta segunda-feira, 1º, que o número de refugiados no mundo neste ano deve ser o maior deste século, sobretudo por causa da grave situação decorrente dos 18 meses de conflitos na Síria.

Leia também: A vida num campo de refugiados cristãos

Todos os meses, dezenas de milhares de pessoas fogem da Síria. De acordo com Guterres, desde o início do ano “mais de 700 mil pessoas fugiram da República Democrática do Congo, Mali, Sudão e Síria”.

No ano passado, “mais de 800 mil pessoas atravessaram as fronteiras em busca de refúgio — uma média de mais de 2 mil refugiados por dia”, ressaltou ainda o alto-funcionário do Acnur.

Mais de 42 milhões de refugiados

Um outro funcionário do Acnur disse na semana passada que o total de refugiados da Síria pode chegar a 700 mil este ano. O número é quase quatro vezes maior do que a estimativa anterior.

Em todo o mundo há mais de 42 milhões de pessoas que fugiram de seus países de origem para escapar da violência.

Caro leitor, você acha um tanto anacrônico que na segunda década do século XXI ainda haja tantos refugiados no mundo?

Fontes:
Terra - Síria deve provocar recorde de refugiados no mundo, diz ONU
G1 - Síria deve levar a número recorde de refugiados no mundo, diz ONU

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *