Início » Vida » Comportamento » O mercado dos vinhos de produção limitada está em expansão
Vinhos

O mercado dos vinhos de produção limitada está em expansão

Os produtores mais elogiados em geral não expandem sua produção em razão de questões legais e limitações geográficas

O mercado dos vinhos de produção limitada está em expansão
A oferta limitada faz parte da atração (Reprodução/Internet)

Ele tem um “aroma extraordinário de ervas caramelizadas, fumo, cedro, tinta de caneta, groselhas negras e terra. A esse aroma esplêndido soma-se um vinho encorpado, redondo, rico e de baixa acidez”. Assim Robert Parker, um famoso crítico de vinhos, brindou o Lafite Rothschild 1982.

No entanto, entre tantos atributos, ele não mencionou sua qualidade como investimento. Os enólogos que economizaram com muito esforço £300 (£1028 no valor atual) para comprar uma caixa em 1982 e resistiram à tentação de beber o vinho, agora têm um patrimônio de £28,000. Poucos investimentos tiveram um desempenho tão rentável. Na expectativa de reproduzir esse retorno inebriante, os investidores estão aplicando muito dinheiro no mercado de vinhos mais caros, hoje um setor avaliado entre US$5 a US$10 bilhões.

A oferta limitada faz parte da atração. Os melhores vinhos são produzidos em pequenos lotes. A famosa vinícola Petrus na região do Pomerol, perto de Bordeaux, produz apenas 2.500 caixas de vinho por ano. Os produtores mais elogiados em geral não expandem sua produção em razão de questões legais e limitações geográficas, além de ser impossível reproduzir as condições climáticas da safra de 1982 do Lafite Rothschild. Ao mesmo tempo, a demanda cresceu graças ao crescente número de pessoas muito ricas, para quem uma coleção de excelentes vinhos é um símbolo de status.

Fontes:
Economist-Intoxicating

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *