Início » Vida » Comportamento » O relógio inteligente da Apple terá de conquistar o mercado
Novidade da Apple

O relógio inteligente da Apple terá de conquistar o mercado

Com a vida útil da bateria de apenas 18 horas, muitos usuários terão de se esforçar para mantê-lo funcionando

O relógio inteligente da Apple terá de conquistar o mercado
O relógio inteligente começará a ser vendido em 24 de abril na versão esportiva ao preço de US$349 e na versão em ouro por US$17,000 (Reprodução/Getty Images)

Em 9 de março, em seguida ao resultado dos lucros trimestrais recordes, a Apple lançou seu mais novo produto: o Apple Watch. O relógio inteligente começará a ser vendido em 24 de abril na versão esportiva ao preço de US$349. A Apple também venderá a versão em ouro com o preço de US$17,000, para os que têm poder aquisitivo e gostam de se exibir. Cerca de 7 milhões de smartwatches foram lançados no mercado em 2014, sendo que um quarto fabricado pela Samsung. Mas com a entrada da Apple no mercado, a produção do setor de roupas e acessórios, que incorporam o uso de tecnologias eletrônicas sofisticadas, como pulseiras de monitoramento de atividades físicas e “roupas inteligentes”, deve aumentar de 25 milhões de unidades lançadas ano passado para cerca de 70 milhões este ano, segundo o banco Morgan Stanley.

Em agosto de 2014, uma pesquisa realizada pelo banco Morgan Stanley, com 10.500 pessoas que conhecem os dispositivos eletrônicos disponíveis no mercado, revelou que a maioria está disposta a pagar de US$200 a US$300 pelo Apple Watch. Quase todas querem comprar o relógio para monitorar a saúde e checar e-mails. E, ao contrário dos smartwatches mais baratos como Pebble, que arrecadou US$1 milhão em 30 minutos com seu mais recente smartwatch em Kickstarter, um site de crowdfunding, o Apple Watch tem recursos de monitoramento e de envio e/ou recebimento de mensagens.

Exceto por questões de caráter privado, a pesquisa também mostrou que as pessoas querem compartilhar suas informações, desde que economizem dinheiro.

O novo relógio da Apple pretende poupar o tempo das pessoas, com um simples acesso ao dispositivo de pulso. Mas com a vida útil da bateria de apenas 18 horas, muitos usuários terão de se esforçar para mantê-lo funcionando. A duração da bateria irá melhorar, mas, por enquanto, o relógio inteligente da Apple ficará restrito ao nicho dos entusiastas dos produtos da empresa.

grafico

Pesquisa realizada pelo banco Morgan Stanley, com 10.500 pessoas que conhecem os dispositivos eletrônicos disponíveis no mercado, revelou que a maioria está disposta a pagar de US$200 a US$300 pelo Apple Watch (Reprodução/Economist)

 

Fontes:
Economist-What to wear

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *