Início » Internacional » Obama promete resposta mais ofensiva no controle do ebola nos EUA
Estados Unidos

Obama promete resposta mais ofensiva no controle do ebola nos EUA

Obama anunciou que equipes da SWAT serão encaminhadas para hospitais que registrarem paciente contaminado

Obama promete resposta mais ofensiva no controle do ebola nos EUA
Após reunião de emergência, Obama anunciou medidas mais ofensivas para conter o vírus do ebola no país

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, prometeu uma resposta mais ofensiva contra a dispersão do ebola no país. Ele convocou reunião de emergência na última quarta-feira, 15, após a confirmação do segundo caso de contágio pelo vírus em Dallas.

Ele anunciou que equipes da SWAT serão encaminhadas em 24 horas para hospitais que registrem paciente contaminado. Como medida de prevenção, o governo deve contatar pessoas suspeitas de ter contraído a doença antes mesmo dos sintomas se manifestarem.

Obama também apontou que o Centro de Controle e Prevenção de Doença (CDC) deve ter equipes capazes de responder mais rápido sobre casos de ebola. Isso porque a segunda pessoa infectada pelo vírus viajou de avião em voo doméstico na última segunda-feira, 13, após apresentar febre baixa.

O Centro de Controle e Prevenção de Doença (CDC) foi questionado pelo ocorrido, já que a pessoa em questão, agente de saúde, estava sob monitoramento do órgão. Segundo a CNN, antes de viajar a enfermeira pediu permissão ao CDC para fazer a viagem e obteve. É o terceiro caso de ebola nos EUA e o segundo de contágio no país.

A opinião pública questiona os possíveis erros nos procedimentos de segurança que permitiram a contaminação das duas enfermeiras pelo vírus em território americano. Em todo o mundo, este ano, foram registrados 8.914 casos de ebola, dos quais 4.447 resultaram em morte.

Fontes:
Exame - Obama promete resposta "mais agressiva" para conter ebola

1 Opinião

  1. Filomeno Viriato disse:

    Talvez assim haja um esforço maior, para travar esse mal…

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *