Início » Internacional » ONU denuncia mortes em protestos na Venezuela
CRISE VENEZUELANA

ONU denuncia mortes em protestos na Venezuela

Cinco pessoas morreram em protestos nos dias 30 de abril e 1º de maio

ONU denuncia mortes em protestos na Venezuela
ONU aponta para um total de 49 mortos na Venezuela no contexto de protestos desde o início do ano (Fonte: Reprodução/Twitter/@jguaido)

Pelo menos cinco pessoas morreram em apenas dois dias na Venezuela por conta dos atuais protestos no país. A informação foi divulgada nesta sexta-feira, 3, pelo alto comissariado da ONU para Direitos Humanos.

As cinco mortes ocorreram nos dias 30 de abril e 1º de maio. Trata-se do primeiro levantamento independente divulgado sobre a situação na Venezuela.

De acordo com a ONU, pelo menos duas pessoas foram mortas pro membros de milícias pró-governo. Três dos cinco mortos eram menores de idade, incluindo um jovem de 15 anos e outro de 16 anos.

A ONU aponta para um total de 49 mortos na Venezuela no contexto de protestos desde o início do ano. Além disso, 240 pessoas foram detidas, incluindo 17 menores.

Um total de 239 pessoas ficaram feridas em dois dias, sendo 18 por bala. O governo diz que pelo menos oitos soltados foram feridos.

A ONU ressaltou também que dez jornalistas foram alvos de ataques, sendo pelo menos cinco baleados, desde o início da operação do autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó.

Fontes:
Uol - Crise na Venezuela já fez cinco mortos, denuncia ONU

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *