Início » Gráfico » Países que mais valorizam mulheres no mercado de trabalho
Igualdade de condições

Países que mais valorizam mulheres no mercado de trabalho

Revista 'Economist' lista os países desenvolvidos que oferecem as mesmas condições de trabalho para homens e mulheres

Países que mais valorizam mulheres no mercado de trabalho
Nova Zelândia e Países nórdicos obtiveram os melhores resultados (Reprodução/Internet)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Se você é uma mulher ativa no mercado de trabalho, faria bem em se mudar para a Nova Zelândia, ou para algum dos países nórdicos.

Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, a revista britânica Economist criou o “Índice Teto de Vidro”, listando os países onde homens e mulheres trabalham em igualdade de condições.

O índice compara cinco indicadores em 26 países: número de homens e mulheres com nível superior; participação feminina na força de trabalho; a diferença salarial entre homens e mulheres; a proporção de mulheres em cargos importantes; custo com os filhos comparados aos ganhos salariais. Os primeiro quatro índices são avaliados igualmente, o último varia caso a mulher tenha ou não filhos.

A Nova Zelândia obteve os melhores resultados. Já a Finlândia se saiu bem no quesito educação. A Suécia tem os melhores índices de participação feminina na força de trabalho, alcançando 78%. Por sua vez, a Espanha registrou a menor diferença salarial entre homens e mulheres, com a diferença de apenas 6%.

Por outro lado, Coreia do Sul e Japão não são bons locais para mulheres trabalhadoras. Isso porque poucas delas ocupam cargos importantes, embora a nova presidente da Coreia do Sul seja mulher.

Fontes:
The Economist-The glass-ceiling index

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. olbe disse:

    ONDE ESTÁ A HOLANDA NESTE GRÁFICO???????????

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *