Início » Internacional » Países vizinhos fecham a fronteira para refugiados sírios
permissão de entrada caiu

Países vizinhos fecham a fronteira para refugiados sírios

Dezenas de milhares de pessoas estão sob grave risco

Países vizinhos fecham a fronteira para refugiados sírios
Estudantes sirios em uma escola para refugiados no Líbano (Fonte: Reprodução/AP)

O Comitê Internacional de Resgate e o Conselho Norueguês de Refugiados informaram nesta quinta-feira, 13, que países vizinhos da Síria, como Líbano, Turquia, Jordânia e Iraque, estão fechando suas fronteiras para refugiados sírios.

Leia mais: ACNUR ajudará menos pessoas no Iraque e na Síria
Leia mais: Bombardeios americanos já mataram 865 pessoas na Síria

De acordo com Jan Egeland, secretário-geral do Conselho Norueguês para Refugiados, “organizações humanitárias têm reiterado alertas de que a capacidade das comunidades que concedem abrigo chegou ao limite e defendem uma melhor divisão internacional”.

As duas agências de ajuda humanitária ressaltaram ainda que o número de pessoas que conseguem sair do país em guerra civil caiu 88% em outubro em relação à média mensal do ano passado. A redução foi de mais de 150 mil para 18.453.

Ainda segundo as agências, dezenas de milhares de pessoas estão sob grave risco.

Fontes:
G1 - Países vizinhos da Síria estão fechando as portas para refugiados

1 Opinião

  1. jayme endebo disse:

    Por que os países árabes cheio de petrodolares não os recebe já que dinheiro não é problema para eles, além da fartura de terras.
    Estes “irmãos” egoístas somente pensam no seu dinheiro e no máximo que fazem é despejar esta fortuna em armas para se destruirem e quem paga a conta é o ocidente que ficam com pena da situação desumana dos civis.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *