Início » Internacional » Papa autoriza sacerdotes a perdoar aborto durante um ano
Igreja Católica

Papa autoriza sacerdotes a perdoar aborto durante um ano

O perdão será dado a mulheres durante o Ano Santo católico

Papa autoriza sacerdotes a perdoar aborto durante um ano
Neste caso, o Jubileu proclamado pelo Papa Francisco é um Ano Santo Extraordinário (Foto: Wikimedia)

O Papa Francisco decidiu permitir que sacerdotes do mundo todo perdoem mulheres que durante o próximo Ano Santo Católico, de dezembro de 2015 a novembro de 2016, pedirem perdão por fazer aborto.

“Eu decidi, não obstante qualquer disposição em contrário, conceder a todos os padres, para o ano do jubileu, a capacidade de absolverem do pecado do aborto todos aqueles que o provocaram e que, de coração arrependido, peçam perdão”, disse o papa.

Visto como um pecado grave dentro do catolicismo, o aborto é punido com a excomunhão imediata da Igreja Católica. No entanto, em carta publicada nesta terça-feira, 1, pelo Vaticano, o papa falou sobre a “dura prova existencial e moral” que afronta as mulheres que tenham interrompido uma gravidez. Ele também disse que havia “conhecido muitas mulheres que carregavam em seu coração a ferida desta dolorosa e angustiante decisão”.

Sobre o fato de estender a absolvição a todos os sacerdotes, o papa recomendou: “os sacerdotes devem se preparar para esta grande tarefa sabendo conjugar palavras de acolhimento genuíno com uma reflexão que ajude a compreender o pecado cometido”.

Segundo a coordenadora da ONG Católicas pelo Direito de Decidir, Rosângela Talib, a medida é importante, mas ainda é “muito restritiva”. Chama atenção o fato de haver um prazo. O aborto continua sendo um pecado grave nos documentos papais que dão os nortes à instituição. Então, não vejo uma mudança na hierarquia da igreja sobre isso em pouco tempo”. Para ela, a Igreja Católica precisa discutir mais o assunto. “Nenhuma mulher aborta por prazer. Não é uma decisão fácil. Então, elas têm que ser acolhidas pela igreja e ter suas decisões respeitadas”.

Na tradição católica, durante um ano, o ano do Jubileu, a igreja concede perdão aos fiéis que cumprem certas disposições eclesiais estabelecidas pelo Vaticano. O Jubileu pode ser ordinário ou extraordinário. Enquanto a celebração do Ano Santo Ordinário acontece em um intervalo de anos já estabelecido, o Ano Santo Extraordinário se proclama como celebração de um fato destacado. Neste caso, o Jubileu proclamado pelo Papa Francisco é um Ano Santo Extraordinário.

 

Fontes:
O Globo-Papa Francisco autoriza sacerdotes a perdoar mulheres que fizeram aborto
Portal Católico-O que é um Jubileu e um Ano Santo?
News.VA-Papa: Jubileu seja experiência genuína de misericórdia para todos

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *