Início » Internacional » Peña Nieto reafirma que México não pagará por muro
MÉXICO X EUA

Peña Nieto reafirma que México não pagará por muro

Presidente do México lamenta e reprova decreto assinado por Donald Trump que autoriza muro na fronteira com os Estados Unidos

Peña Nieto reafirma que México não pagará por muro
'Já disse várias vezes, o México não pagará nenhum muro', declara Peña Nieto (Foto: Flickr)

O presidente do México, Enrique Peña Nieto, lamentou na última quarta-feira, 25, o decreto assinado pelo presidente americano Donald Trump autorizando a construção do muro na fronteira entre os dois países. Em um vídeo publicado no Twitter, Peña Nieto prometeu defender os imigrantes mexicanos no país vizinho e reafirmou que não pagará pela obra.

“Lamento e reprovo a decisão dos Estados Unidos de continuar com a construção de um muro que há anos, distante de nos unir, nos divide. O México não acredita nos muros. Já disse várias vezes, o México não pagará por nenhum muro”, declarou o presidente mexicano.

No vídeo, ele não menciona a reunião que teria com o presidente americano na terça-feira, 31. Após as declarações, porém, Donald Trump também foi ao Twitter falar sobre o caso.

“Os EUA têm um déficit de US$ 60 bilhões com o México. Tem sido um acordo de apenas um lado desde o início do Nafta, com números massivos de empregos e empresas perdidas. Se o México não quer pagar pelo tão necessário muro, seria melhor cancelar o encontro”, escreveu Trump nesta quinta-feira, 26.

Mais tarde, Peña Nieto usou seu perfil na rede social para anunciar que havia comunicado à Casa Branca que não compareceria à reunião. A decisão vai de acordo dos políticos mexicanos, que pediram o cancelamento da reunião depois que Trump assinou o documento autorizando a construção do muro, classificando o ato como uma “ofensa” e “hostilidade à soberania mexicana.

Em resposta às ações de Trump, Peña Nieto ordenou que 50 consulados mexicanos nos Estados Unidos reforcem suas medidas de proteção para garantir a defesa dos direitos dos imigrantes no país. “Nossas comunidades não estão sozinhas. O governo do México fornecerá assessoria legal, que lhes garanta a proteção necessária”, disse o presidente.

A medida de Trump para reforçar a segurança fronteiriça ocorre em um momento em que o México toma iniciativas para dialogar sobre o novo rumo da relação com os Estados Unidos. O chanceler, Luis Videgaray, e o ministro da Economia, Ildefonso Guajardo, já estão em Washington negociando a visita de Peña Nieto.

Na quarta-feira, Videgaray chegou a afirmar à imprensa mexicana que a reunião com Trump seguia confirmada, mas destacou que os dois governos mostram, neste momento, disposições muito diferentes para fazer acordos. “É um dia de contrastes”, declarou o chanceler.

Fontes:
O Globo-Presidente do México afirma que não pagará por muro na fronteira
Estado de Minas-"O México não pagará por nenhum muro", reitera o presidente mexicano
G1-Peña Nieto cancela reunião com Trump após anúncio de muro na fronteira

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *