Início » Internacional » Pentágono se prepara para enfrentar as mudanças climáticas
Meio Ambiente

Pentágono se prepara para enfrentar as mudanças climáticas

Agência de segurança americana traça planejamentos específicos em cada região de atuação para se adaptar ao novo clima local

Pentágono se prepara para enfrentar as mudanças climáticas
Relatório do Congresso americano mostrou as mudanças climáticas que afetam os militares, como a elevação do nível dos mares (Foto: Wikimedia)

O Pentágono afirmou na última quinta-feira, 30, que as regiões mais instáveis e violentas do mundo são as mais afetadas pelas mudanças climáticas, e divulgou detalhes de como os comandantes regionais estão se preparando para lidar com isso.

Um relatório do Congresso americano mostrou as mudanças climáticas que afetam os militares, como a elevação do nível dos mares e o mau tempo, que atrapalham a realização de certas missões. Além disso, o documento forneceu dados de como cada Comando de Combate Geográfico é afetado pela mudança climática na região onde atua.

“A Estratégia de Segurança Nacional, emitida em fevereiro de 2015, mostra claramente que a mudança climática é uma ameaça urgente e crescente para a segurança nacional, contribuindo para aumentar os desastres naturais, o fluxo de refugiados e conflitos em busca de recursos básicos como água e comida. Esses impactos já podem ser vistos e sua dimensão e intensidade está aumentando durante o tempo”, diz o relatório.

Procedimentos em cada região

Em um exemplo específico, o Comando Europeu dos EUA está se preparando para mais turistas e comerciantes na Rota do Mar do Norte, que atravessa o Ártico ao longo da costa norte da Rússia. O documento diz que o Northern Command, que inclui Canadá e Estados Unidos, tem preocupações sobre o aumento do tráfego na área.

No Oriente Médio, o Comando Central dos EUA também acrescenta a escassez de água como um fator para planejar futuras campanhas. Eles consideram as mudanças climáticas também para planejar assistência humanitária, ajuda em desastres e treinos militares locais, diz o relatório.

Na África, o objetivo é expandir os planos de assistência humanitária e ajuda em desastres para que a população local consiga se preparar melhor para o aquecimento global. O comando militar do pacífico está preparando um planejamento especial para a nova situação do clima local. Os militares que patrulham as Américas do Sul e Central e o Caribe, disseram não conduzir um planejamento de mudança climática específica, mas conduz análises com países aliados.

Fontes:
Washington Post-How the Pentagon is preparing for climate change in each part of the world

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *