Início » Vida » Ciência » Pesquisadores querem colocar várias vacinas em uma única injeção
SAÚDE

Pesquisadores querem colocar várias vacinas em uma única injeção

A técnica coloca as vacinas em polímeros microscópicos que se dividem em momentos diferentes, liberando o conteúdo imunizante

Pesquisadores querem colocar várias vacinas em uma única injeção
Várias vacinas precisam de doses de reforço (Foto: Pixabay)

As crianças precisam tomar uma série de vacinas para doenças como sarampo, hepatite A e B, meningite e tétano. Várias delas precisam de doses de reforço, e assim a criança precisa ser levada várias vezes ao posto de saúde. No entanto, um grupo de pesquisadores estuda uma forma de reunir todas as vacinas obrigatórias na infância em uma só injeção.

O estudo realizado no Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT, na sigla em inglês) foi publicado na revista Science. De acordo com a co-autora Ana Jaklenec, a técnica coloca as vacinas em polímeros  microscópicos que se dividem em momentos diferentes, liberando o conteúdo imunizante.

“Nós estamos muito animados sobre esse trabalho porque, pela primeira vez, podemos criar um conjunto de partículas de vacinas pequenas e revestidas, cada uma programada para liberar seu conteúdo em um tempo previsível, de forma que as pessoas possam receber uma única injeção que, de fato, teria múltiplos impulsionadores já prontos nela”, explicou um dos autores Robert Langer, do Instituto David H. Koch do MIT.

Durantes os testes em camundongos, as partículas se libertaram sem vazamento prévio. A equipe também produziu micropartículas preenchidas com uma vacina contra a poliomielite. Eles então expuseram as micropartículas a um teste de anticorpos para verificar se a potência da vacina foi afetada pela vedação por calor, mas nenhum problema foi detectado.

 

Fontes:
O Globo-Cientistas criam técnica que reúne várias vacinas em uma só injeção

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *