Início » Internacional » Polícia belga erra na identificação de suspeito
BÉLGICA

Polícia belga erra na identificação de suspeito

Preso na quinta-feira, o homem acusado de levar uma das bombas ao aeroporto de Bruxelas é inocente

Polícia belga erra na identificação de suspeito
Fayçal Cheffou foi identificado como o homem de casaco branco, que seria um dos suspeitos do ataque (Foto: Wikimedia)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

As autoridades belgas admitiram, nesta segunda-feira, 28, que o homem previamente identificado como um dos terroristas responsáveis pelos ataques do dia 22 de março, através de imagens de uma câmera de segurança do aeroporto de Bruxelas, é inocente.

O homem –identificado como Fayçal Cheffou, que se disse um jornalista autônomo –, preso na quinta-feira, 22, e acusado formalmente na sexta-feira, 23, foi solto depois de três dias em custódia. Neste período, as autoridades o rotularam publicamente como um terrorista.

Nesta manhã de segunda-feira, 28, a polícia disse que o suspeito real, um dos homens que levou bombas escondidas em uma mala para a seção de embarque do aeroporto de Bruxelas, continua solto. Um novo pedido de ajuda para identificar o suspeito foi liberado ao público.

A liberação de Cheffou é um atraso para as autoridades belgas, que têm tido dificuldades, há mais de um ano, para controlar a crescente ameaça de militantes do Estado Islâmico.

Fontes:
The New York Times-Police Misidentify Suspect as Brussels Airport Attacker

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Ludwig Von Drake disse:

    Talvez não seja erro mas falta de costume. Povo civilizado, não sabe se proteger de bandidos.

  2. Maria disse:

    Não é isso Ludwig; na verdade é a destruição mental que a esquerda causou no país.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *