Início » Internacional » Presidente palestino diz que Holocausto foi ‘o crime mais hediondo da era moderna’
Mudança de postura

Presidente palestino diz que Holocausto foi ‘o crime mais hediondo da era moderna’

Em comunicado inédito, Mahmoud Abbas, presidente da Autoridade Palestina, expressa sua solidariedade com o povo judeu pelos crimes do regime nazista

Presidente palestino diz que Holocausto foi ‘o crime mais hediondo da era moderna’
Declaração de Abbas condenando o Holocausto foi idealizada em uma reunião com rabino americano que promove a paz (Reprodução/Getty)

O presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, divulgou um comunicado formal neste domingo, 27, descrevendo o Holocausto como “o crime contra a humanidade mais hediondo que ocorreu na era moderna” e expressando sua solidariedade com as famílias das vítimas.

O comunicado, fruto de uma reunião, na semana passada, entre Abbas e um rabino americano que promove a paz entre muçulmanos e judeus, representa o primeiro gesto de condolências aos judeus já praticado pelo líder palestino.

Abbas tem sido vilanizado como uma das figuras que negam a existência do Holocausto porque em sua tese de doutorado, publicada em formato de livro em 1983, ele contestou o número de vítimas judias mortas na tragédia e argumentou que alguns zionistas colaboraram com o nazismo para atrair mais pessoas para Israel.

Abbas já havia ratificado as alegações do seu doutorado, dizendo, em uma entrevista em 2011, que ele não nega o Holocausto e que acredita que seis milhões de judeus morreram na ocasião, como afirmam os israelenses.

A nova declaração de Habas, publicada pela agência de notícias palestina Wafa, dá um passo além, descrevendo o Holocausto como “um reflexo dos conceitos de discriminação étnica e racismo,fortemente rejeitados e combatidos pelos palestinos”.

 

Fontes:
The New York Times - Mahmoud Abbas shifts on Holocaust

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

4 Opiniões

  1. ney disse:

    Discordo, o maior crime foi a Inquisição Católica-Romana.

  2. jayme endebo disse:

    politico é tudo igual, jogam pra plateia quando querem insuflar ou prevalecer a sua verdade.
    Negaram durante um bom tempo e agora reconhecem ou seja tem alguma jogada por trás desta declaração, vamos aguardar os acontecimentos.

  3. Apolinário Quevedo disse:

    A diáspora africana foi o maior dos crimes, atravessou duas eras e condenou todo um continente. Os judeus se acham os mais importantes do planeta e esse palestino puxa-saco nem sabe quando foi a “Era Moderna”.

  4. helo disse:

    Acho a declaração de Abbas muito importante. Era preciso reconhecer esse crime terrível. Existem outros no passado como o holocausto armênio, ucraniano, a morte de 50 milhões por fome na China, as guerras e a fome na África.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *