Início » Internacional » Putin afirma que suspeitos de envenenamento em Salisbury são civis
AGENTE NERVOSO

Putin afirma que suspeitos de envenenamento em Salisbury são civis

Russos foram identificados pela polícia britânica como responsáveis pelo envenenamento do ex-espião russo Sergei Skripal com o agente nervoso Novichok

Putin afirma que suspeitos de envenenamento em Salisbury são civis
Polícia britânica acredita que eles sejam membros da inteligência russa (Foto: Divulgação/Metropolitan Police)

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, afirmou que os dois homens identificados pela polícia britânica como os responsáveis por realizar ataques com o agente nervoso Novichok são civis. “Nós sabemos quem eles são, nós os encontramos”, afirmou o chefe de Estado durante o Fórum Econômico Oriental, que acontece em Vladivostok ao longo dessa semana.

Os suspeitos foram identificados pela polícia britânica há uma semana, no último dia 5 de setembro. Segundo as autoridades do Reino Unido, são eles Alexander Petrov e Ruslan Boshirov, que seriam, segundo autoridades britânicas, oficiais da agência de inteligência militar da Rússia.

“Não tem nada de criminoso aqui”, afirmou Putin sobre os cidadãos russos. A uma agência estatal de notícias russa, Petrov admitiu que pode aparecer na televisão em algum momento para falar sobre o caso, mas afirmou que “não tem nenhum comentário por enquanto”. Segundo o acusado, o pronunciamento possivelmente ocorrerá na próxima semana.

Os homens teriam tentado assassinar o ex-espião russo Sergei Skripal e sua filha Yulia com o agente nervoso Novichok. As vítimas se recuperaram depois de alguns meses e receberam alta do hospital onde ficaram internadas. Putin afirma que os homens são “civis”, negando que eles estejam envolvidos com o serviço de inteligência militar da Rússia (GRU).

A polícia britânica acredita que os suspeitos contaminaram a porta da frente da casa dos Skripal. Os russos teriam chegado ao Reino Unido na sexta-feira, dia 2 de março, e retornado à Rússia na noite de domingo, dia 4 de março. Mesmo com a acusação, o Reino Unido não deve solicitar a extradição dos suspeitos, mas garantiu que, caso os russos viajem para um país onde o mandado de prisão europeu é válido, eles serão extraditados.

 

Leia também: Ex-espião russo recebe alta de hospital após envenenamento
Leia também: Theresa May acusa a Rússia pelo envenenamento de ex-espião

Fontes:
The Guardian-Skripal poisoning: suspects are civilians, not criminals, says Putin
DW-Suspeitos de envenenar ex-espião russo são civis, diz Putin

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *