Início » Internacional » Refugiados sírios passam de 2 milhões
Acnur

Refugiados sírios passam de 2 milhões

Essas pessoas 'atravessam fronteiras com pouco mais do que a roupa que trazem no corpo', segundo a agência da ONU para refugiados

Refugiados sírios passam de 2 milhões
Refugiados sírios-curdos na região curda do norte do Iraque (Fonte: Reprodução/AFP)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, informou nesta terça-feira, 3, que o número de refugiados sírios ultrapassou a barreira de 2 milhões.

Leia também: Síria pede à ONU para evitar ‘qualquer agressão’ contra o país

Ainda de acordo com a agência da ONU, mais da metade das pessoas que fogem da guerra na Síria para os países limítrofes são crianças.

O Acnur destacou também que há apenas um ano o número de refugiados sírios era de pouco mais de 200 mil. Nos últimos seis meses esse número aumentou de 1 milhão para 2 milhões.

Cerca de 700 mil sírios já se deslocaram para o Líbano. O Acnur informou que o número de sírios forçados a procurar abrigo no exterior desde o início da guerra civil no país, em março de 2011, “ultrapassou a barreira dos dois milhões na terça-feira sem sinal de fim à vista”.

Essas pessoas “atravessam fronteiras com pouco mais do que a roupa que trazem no corpo”, afirma a agência da ONU.

A marca de 2 milhões de refugiados deve servir como novo alerta para a escalada da violência na Síria. Enquanto isso, os países limítrofes vão ficando sem capacidade de resposta para o grande número de pessoas que buscam abrigo diariamente. Quase 5 mil sírios deixam o país todos os dias.

‘Calamidade humanitária’

O alto comissário da ONU para os Refugiados, António Guterres, disse que “a Síria se tornou a grande tragédia desse século – uma calamidade humanitária lastimável com sofrimento e desabrigados sem precedentes na história recente”.

A enviada especial da Acnur, a atriz Angelina Jolie, ressaltou que “se a situação continuar a se deteriorar nesse ritmo, o número de refugiados só aumentará e alguns países vizinhos poderão chegar ao ponto do colapso”.

Fontes:
Público - Refugiados sírios passam de 200 mil para dois milhões em apenas um ano

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Mauricio Fernandez disse:

    A única coisa que tem em milhões é a repetição de mentiras. Chegam a falar em tragédia humana do século. Esqueceram todos os massacres na África, no Líbano e outros tantos. PT contra PSDB, comunistas contra imperialistas – um mar de mentiras.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *