Início » Internacional » Se não houver acordo, Petrobras pode deixar o país
Equador

Se não houver acordo, Petrobras pode deixar o país

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O presidente Lula anunciou nesta terça-feira que a Petrobras poderá deixar o Equador se não houver um acordo entre a empresa e o governo do país.

Com a aprovação de uma nova Constituição equatoriana, o presidente do país, Rafael Correa, conseguiu poderes suplementares e ameaçou a Petrobras com expulsão, caso a empresa brasileira demore a passar para o Estado o bloco 31, localizado nas imediações do Parque Nacional Yasuní.

Questionado sobre o problema, Lula disse que a questão era simples. "Se tiver acordo, ótimo. Se não tiver acordo, a Petrobras vai procurar outro caminho e o Equador vai encontrar outros parceiros", afirmou.

Fontes:
Portal Exame - Lula diz que Petrobras pode deixar o Equador

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Henrique disse:

    Está na hora do Brasil endurecer com estes "inimigos" que nos rodeiam. Já não é de hoje que o bloco Castrista, ou melhor, Chavista (Venezuela, Bolivia, Equador, Paraguai e Peru).. está provocando e ameaçando o Brasil. Estas republiquetas precisam muito mais de nós do que nós deles então seria o momento de aplicarmos sansões econômicas e um controle ostensivo em nossas fronteiras. Se o Brasil não mostrar os dentes, e logo, ficará desmoralizado perante à comunidade internacional e daqui a pouco irá começar até a perder partes do território (é tudo que os Ingleses querem).

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *