Início » Internacional » Suíços rejeitam restrição à imigração
Plebiscito

Suíços rejeitam restrição à imigração

Proposta sobre a imigração previa reduzir de 80 mil para 16 mil por ano o saldo de entrada de estrangeiros no país

Suíços rejeitam restrição à imigração
Plebiscito foi realizado neste domingo, 30 (Fonte: Reprodução/AP)

Os suíços votaram contra uma proposta de reduzir a imigração em uma consulta realizada neste domingo, 30.

A proposta sobre a imigração, que previa reduzir de 80 mil para 16 mil por ano o saldo de entrada de estrangeiros — a diferença entre os que emigram e os que imigram —, foi rejeitada por 74% dos eleitores.

Apresentada pela organização Ecologia e População (Ecopop) sob o argumento de proteger os recursos naturais do país, a proposta sobre imigração pretendia impor um saldo migratório anual de apenas 0,2% da população residente.

O Ecopop diz que a Suíça está sendo “enterrada sob o concreto” devido ao crescente número de estrangeiros. Ainda de acordo com a organização, com a taxa de imigração crescendo entre 1,1% e 1,4% por ano, a população suíça atingiria os 12 milhões em 2050, o que aumentaria a demanda por infraestrutura urbana.

A Suíça tem atualmente 8,2 milhões de habitantes, sendo cerca de 25% estrangeiros — a maioria de países da União Europeia (UE).

A proposta sobre a imigração provocou uma onda de críticas ao redor do mundo, com argumentos de que a sua implementação prejudicaria a economia do país, além de isolá-lo da UE.

Fontes:
O Globo - Suíços rejeitam limites à imigração em plebiscito

1 Opinião

  1. Joma Bastos disse:

    Democracia direta a funcionar!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *