Início » Internacional » Tempestade Harvey deixa Houston debaixo d’água
ESTADOS UNIDOS

Tempestade Harvey deixa Houston debaixo d’água

Serviço Meteorológico Nacional alerta que 'esse evento é sem precedentes e todos os impactos são desconhecidos'

Tempestade Harvey deixa Houston debaixo d’água
'Inundações em Houston são dramáticas', segundo o governador do Texas (Fonte: Reprodução/AFP)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O furacão Harvey foi rebaixado para tempestade tropical, mas continua causando muito transtorno nos EUA. Pelo menos seis pessoas morreram até agora, cinco delas em Houston. A cidade, que é a quarta maior do país, foi atingida por inundações sem precedentes neste domingo, 27.

Leia também: Furacão Harvey perde força, mas causa estragos nos EUA

Dois aeroportos foram fechados e as principais vias da cidade que fica no estado americano do Texas ficaram bloqueadas devido às chuvas torrenciais, dificultando a saída de moradores da região.

Em sua conta no Twitter, o Serviço Meteorológico Nacional alerta que “esse evento é sem precedentes e todos os impactos são desconhecidos e além de tudo já experimentado. Sigam as ordens oficiais para garantir sua segurança”.

O presidente americano, Donald Trump, vai visitar as zonas afetadas pelo Harvey nesta terça-feira, 29.

As equipes de socorro pediram aos moradores para se dirigirem para as partes altas da cidade ou permanecerem nos tetos de suas casas para que possam ser resgatados por helicópteros.

Um total de 1.500 resgates já foram efetuados. Em um período de apenas 15 horas os operadores da linha de emergência da cidade receberam 56 mil ligações. Segundo o prefeito de Houston, Sylvester Turner, pelo menos 5,6 mil pessoas estão em abrigos na cidade.

O receio é de que a situação se agrave ainda mais nos próximos dias. O governador do Texas, Greg Abbott, disse em entrevista ao canal Fox News que “a situação é grave e vai piorar”, e que os prejuízos causados pelo Harvey chegam a milhões de dólares.

O prefeito de Houston, Sylvester Turner, pediu que todos permaneçam em casa e defendeu a decisão de não ordenar a saída dos moradores da cidade, que tem 2,3 milhões de habitantes. “É perigoso. Se você ordena a evacuação e coloca todas as pessoas na estrada, está chamando uma calamidade maior”, ressaltou o prefeito.

Fontes:
Estado de Minas - Houston enfrenta inundações sem precedentes na passagem da tempestade Harvey
G1-Tempestade tropical Harvey castiga o Texas

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *