Início » Internacional » Texas quer restringir uso de banheiros por transexuais
PROPOSTA POLÊMICA

Texas quer restringir uso de banheiros por transexuais

Estado americano estuda lei que proíbe transexuais de usar banheiros que corresponda ao gênero com o qual se identificam

Texas quer restringir uso de banheiros por transexuais
Segundo republicanos, lei visa proteger a dignidade de mulheres e crianças (Foto: Pixabay)

O Texas é um dos estados mais conservadores dos EUA e sua legislação tem feito jus a esse status. Nos últimos anos, o Texas aprovou uma lei que enrijece as normas para participar do processo eleitoral, que prejudicou milhares de eleitores imigrantes, idosos e de baixa renda. Outra lei aprovada reduziu drasticamente o número de clínicas abortivas no estado.

Agora, a legislação texana tem um novo alvo: os transexuais, pessoas cuja identidade de gênero se identifica com a do sexo oposto ao do nascimento. Sob o argumento de que estão protegendo a “privacidade” e a “segurança” de seus cidadãos, parlamentares republicanos do Texas estão propondo uma nova lei que obriga banheiros de escolas e prédios públicos a serem reservados para pessoas cujo gênero biológico corresponda ao pictograma da porta.

Em outras palavras, banheiros para mulheres, serão apenas para quem é biologicamente mulher; e banheiros de homens serão reservados para quem é biologicamente homem. Pessoas cuja identidade de gênero difere da biológica terão de usar o banheiro do sexo com o qual não se identificam.

Em um discurso em defesa da lei, o vice-governador do estado, o republicano Dan Patrick, parafraseou Martin Luther King. “Nossas vidas terminam quando nos calamos diante das coisas que realmente importam. A lei do banheiro é, sem sombra de dúvida, importante”, disse o parlamentar.

Patrick disse que o que está em questão é a dignidade das mulheres e das crianças e questionou os defensores dos direitos humanos se eles “realmente querem um homem entrando no banheiro com sua filha ou esposa”. “Fomos tão longe assim na correção política que esquecemos o senso comum, a decência comum? Se não podemos combater algo tão básico, então perdemos nosso país”, disse Patrick.

O Texas não é o único estado dos EUA a tentar barrar transexuais de usar banheiros cuja sua identidade de gênero se identifica. Estados como Virginia, Minnesota e Alabama também estudam propostas parecidas.

Fontes:
The Economist-Texas unveils its “bathroom bill”

1 Opinião

  1. Carlos Valoir simões disse:

    Na verdade, para pacificar a sociedade, lugares públicos tem que ter banheiro feminino, masculino e um outro para os que se sentem diferentes.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *