Início » Internacional » Trio ganha Nobel de Química por desenvolver baterias de íons de lítio
PRÊMIO NOBEL 2019

Trio ganha Nobel de Química por desenvolver baterias de íons de lítio

Essas baterias são muito utilizadas em equipamentos eletrônicos portáteis

Trio ganha Nobel de Química por desenvolver baterias de íons de lítio
'Os laureados lançaram as bases de uma sociedade sem fio e livre de combustíveis fósseis' (Fonte: Reprodução/Twitter/@NobelPrize)

O Prêmio Nobel de Química 2019 foi atribuído nesta quarta-feira, 9, a três cientistas: o americano John B. Goodenough, de 97 anos, o britânico M. Stanley Whittingham, de 77 anos, e o japonês Akira Yoshino, de 71 anos, que irão dividir, em partes iguais, a quantia de 9 milhões de coroas suecas, ou cerca de R$ 3,72 milhões.

Os três cientistas foram escolhidos pelo desenvolvimento de baterias de íons de lítio, que atualmente são utilizadas em celulares, notebooks e carros elétricos.

As baterias de íon de lítio são recarregáveis e capazes de armazenar duas vezes mais energia que uma bateria de hidreto metálico de níquel e o triplo de energia que uma bateria de níquel cádmio. Além disso, elas são muito utilizadas em equipamentos eletrônicos portáteis.

Ao anunciar os nomes dos ganhadores, o comitê do Nobel afirmou no Twitter que “os laureados lançaram as bases de uma sociedade sem fio e livre de combustíveis fósseis”.

Nesta quinta-feira, 10, será anunciado o Prêmio Nobel de Literatura, incluindo o laureado de 2018. Na sexta-feira, 11, será anunciado o Prêmio Nobel da Paz e, na segunda, 14, o de Economia.

Leia também: Trio ganha Nobel de Física por estudo sobre origem do Universo e descoberta de planeta

Leia também: Nobel de Medicina é concedido a três pesquisadores

Fontes:
EBC - Nobel de Química é de 3 cientistas que criaram bateria para celular

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *