Início » Internacional » Trio ganha Nobel de Química por pesquisa sobre máquinas moleculares
PRÊMIO NOBEL 2016

Trio ganha Nobel de Química por pesquisa sobre máquinas moleculares

'Esse prêmio é sobre as menores máquinas do mundo', afirmou a Academia Real de Ciências da Suécia

Trio ganha Nobel de Química por pesquisa sobre máquinas moleculares
Sauvage nasceu em 1944; Stoddart nasceu em 1942; e Feringa nasceu em 1951 (Fonte: Reprodução)

O Instituto Nobel anunciou nesta quarta-feira, 5, os ganhadores do Prêmio Nobel de Química. Nesta edição, os cientistas Jean-Pierre Sauvage (francês), Sir J. Fraser Stoddart (britânico) e Bernard L. Feringa (holandês) foram laureados pela criação de máquinas moleculares.

Os três cientistas conseguiram desenvolver moléculas capazes de realizar tarefas específicas ao serem energizadas, o que é considerado uma grande evolução no campo da nanotecnologia.

Ao anunciar os ganhadores, o secretário-geral da Academia Real de Ciências da Suécia, Goran K. Hansson, afirmou que “esse prêmio é sobre as menores máquinas do mundo”. As máquinas moleculares são estruturas tão pequenas que até mesmo um fio de cabelo tem uma espessura cerca de mil vezes maior do que seu tamanho.

De acordo com a Academia Real de Ciências da Suécia, em termos de desenvolvimento, a máquina molecular está no mesmo nível que o motor elétrico estava nos anos 1830, quando cientistas apresentaram rodas e manivelas rodando, sem saber, no entanto, que permitiram, no futuro, a criação de trens elétricos e outros equipamentos fundamentais atualmente.

Em comunicado, a instituição ressaltou que as “máquinas moleculares vão provavelmente ser usadas no desenvolvimento de novos materiais, sensores e sistemas de armazenamento de energia”.

Atualmente, Sauvage é professor da Universidade de Estrasburgo. Stoddart é professor da Universidade Northwestern, nos EUA. Já Feringa é professor da Universidade de Groningen.

Fontes:
G1 - Nobel de Química vai para trio pela criação de máquinas moleculares

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *