Início » Internacional » Tropas dos Estados Unidos deixam o território do Iraque
NESTA DATA

Tropas dos Estados Unidos deixam o território do Iraque

Em 15 de dezembro de 2011, cerimônia oficializa o fim da ocupação americana no Iraque

Tropas dos Estados Unidos deixam o território do Iraque
A guerra começou em 2003 e teve a participação de 1,5 milhão de soldados americanos (Foto: Wikipedia)

No dia 15 de dezembro de 2011, os Estados Unidos decretaram o fim da Guerra do Iraque com uma cerimônia nas proximidades de Bagdá. Na ocasião, o então secretário de Defesa americano, Leon Panetta, oficializou a retirada das tropas americanas do território iraquiano, depois de oito anos de ocupação. Durante a cerimônia, a bandeira americana foi abaixada, como um símbolo do término na missão. As tropas foram retiradas do país no dia 18 de dezembro daquele mesmo ano.

Leon Panetta declarou que os EUA ainda iriam manter presença diplomática significativa na região, “para cooperar em assuntos de segurança e garantir estabilidade política”. “O sonho de um Iraque independente e soberano já é uma realidade”, disse. Ele acrescentou ainda que o Iraque tinha como principais desafios futuros a segurança, além de assuntos sociais, econômicos e políticos. “EUA será sempre um amigo e companheiro comprometido do Iraque”, completou.

Entre as conquistas obtidas durante os anos de ocupação pelas tropas americanas em colaboração com as iraquianas, Panetta enumerou a queda dos níveis de violência, o enfraquecimento da rede terrorista Al Qaeda, e a melhora da situação educacional e a econômica.

O acordo assinado entre os governos dos EUA e do Iraque em 2008 estipulava que as tropas americanas deveriam deixar o país até o dia 31 de dezembro de 2011. Pouco mais de 4.000 militares americanos permaneceram no país até o fim do ano para finalizar a entrega da segurança às forças locais.

A presença de tropas americanas no Iraque marcou uma época sangrenta. O governo dos EUA acreditava que, ao eliminarem o ditador Saddam Hussein, ganhariam a lealdade dos iraquianos. Uma série de erros estratégicos e políticos não permitiu que isso acontecesse.

A guerra começou em 2003 e teve a participação de 1,5 milhão de soldados americanos. Mais de 4.400 foram mortos e 30.000 ficaram feridos. No total, foram mais de 37.000 iraquianos mortos.

Fontes:
Veja-Estados Unidos oficializam o fim da Guerra do Iraque

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Jayme endebo disse:

    A irresponsabilidade do obama em retirar as tropas de imediato sem que houvesse maturidade politica onde as forças tribais se equilibrariam fez renascer a revanche shiita sobre a sunita culminando na criaçao do isis.
    Democratas criaram o regime dos aiatolas e agora dos terroristas fundamentalistas.

  2. ney disse:

    Deixaram o Iraque para invadir a Síria. e promover o medo pelo mundo.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *