Início » Internacional » Trump nomeia CEO da Exxon como Secretário de Estado
ESTADOS UNIDOS

Trump nomeia CEO da Exxon como Secretário de Estado

Rex W. Tillerson, CEO da Exxon, deve enfrentar resistência do Senado americano por conta de sua proximidade com a Rússia

Trump nomeia CEO da Exxon como Secretário de Estado
Se for confirmado, Tillerson terá que gerenciar a complicada relação entre EUA e Rússia (Foto: Wikimedia)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Nesta terça-feira, 13, o presidente eleito dos EUA, Donald Trump, escolheu oficialmente Rex W. Tillerson, chefe executivo da Exxon Mobil, para ser Secretário de Estado de seu governo. A nomeação é polêmica, já que Tillerson é líder de uma gigante de energia e tem uma relação próxima com a Rússia, onde atua em defesa de interesses da Exxon.

A Exxon Mobil tem bilhões de dólares em contratos que só podem ir para a frente se os Estados Unidos suspenderem as sanções contra a Rússia. Logo, pode ser bem complicado que Tillerson saiba diferenciar seus interesses como líder da empresa e como principal diplomata dos Estados Unidos.

Como a nomeação precisa passar pelo Senado americano, acredita-se que ele deve enfrentar muita resistência por parte de republicanos e democratas.

Se for confirmado como Secretário de Estado, Tillerson vai ter que gerenciar a complicada relação entre Estados Unidos e Rússia, incluindo as sanções econômicas impostas a Moscou depois que o país interveio na Ucrânia e anexou a Crimeia. Mês passado, líderes europeus e o presidente Barack Obama concordaram em manter as sanções até que o presidente russo Vladimir Putin concorde com um cessar-fogo e retire as tropas da Ucrânia.

Fontes:
The New York Times-Rex Tillerson, Exxon C.E.O., Chosen as Secretary of State
Valor Econômico-Trump confirma Rex Tillerson como secretário de Estado

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *