Início » Internacional » Trump nomeia duas mulheres para equipe de governo
ESTADOS UNIDOS

Trump nomeia duas mulheres para equipe de governo

Nomeação de Betsy DeVos como secretária de Educação e Nikki Haley como embaixadora dos EUA na ONU visa cessar críticas à falta de diversidade na equipe de Trump

Trump nomeia duas mulheres para equipe de governo
Equipe de Trump vem sendo alvo de críticas por falta de diversidade (Foto: Flickr/Gage Skidmore)

O presidente eleito dos EUA, Donald Trump, anunciou na última quarta-feira, 23, duas proeminentes parlamentares republicanas para sua equipe de governo.

Em uma escolha potencialmente controversa, ele anunciou a ex-presidente do Partido Republicano em Michigan Betsy DeVos como secretária de Educação de seu governo. Dona de uma fortuna abastada, DeVos é uma advogada conhecida pelo seu ativismo em prol da adoção do sistema de voucher educacional como alternativa às escolas públicas. Neste sistema, o governo emite um certificado de financiamento (voucher) entregue aos pais de crianças em idade escolar que podem usá-lo para matricular em qualquer escola particular. A mensalidade seria paga através do voucher.

“Betsy DeVos é uma brilhante e passional ativista em prol da educação. Sob sua liderança, vamos reformar o sistema educacional americano e quebrar a burocracia que está atrasando nossas crianças para termos um sistema de educação de excelência e poder de escolha para todas as famílias em relação às escolas”, disse Trump ao anunciar a nova secretária de Educação.

A nomeação de DeVos enfrenta forte oposição de ativistas da educação pública e sindicatos que se opõem às iniciativas de DeVos para transferir a verba do contribuinte para as escolas privadas. “Ao nomear Betsy DeVos, a gestão Trump demonstra o quão fora de sintonia está com o que é melhor para os estudantes, pais, educadores e comunidades”, disse em nota a Associação Nacional de Educação, o maior sindicato do ramo educacional nos EUA.

Outra nomeação controversa foi a da governadora da Carolina do Sul, Nikki Haley, como embaixadora dos EUA na ONU. Filha de imigrantes indianos e considerada uma estrela em ascensão do Partido Republicano, Haley não tem qualquer experiência em política externa. Além disso, ela foi uma das maiores opositoras de Trump durante a campanha presidencial, chegando a dizer que ele representa “tudo que um governador não deseja na presidência”.

Segundo pessoas ligadas à Trump, com as nomeações de Haley e DeVos, o presidente eleito visa mostrar à população que haverá diversidade em sua equipe de governo, alvo de críticas por ser composta majoritariamente por homens brancos.

Fontes:
The Washington Post-Trump nominates two prominent GOP women: DeVos as education secretary, Haley as U.N. ambassador

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *