Início » Internacional » Trump pediu para FBI encerrar investigação sobre Flynn, diz ‘NYT’
LIGAÇÕES COM A RÚSSIA

Trump pediu para FBI encerrar investigação sobre Flynn, diz ‘NYT’

Segundo o 'New York Times', o ex-diretor do FBI James Comey documentou o pedido em memorando escrito logo após uma reunião com o presidente

Trump pediu para FBI encerrar investigação sobre Flynn, diz ‘NYT’
Segundo o memorando, pedido foi feito no dia 14 de fevereiro (Foto: Flickr/Gage Skidmore)

O presidente dos EUA, Donald Trump, pediu ao ex-diretor do FBI James B. Comey que encerrasse a investigação sobre seu ex-conselheiro de Segurança Nacional, Michael T. Flynn, em uma reunião no Salão Oval da Casa Branca, no dia 14 de fevereiro, um dia após Flynn renunciar ao cargo.

É o que diz um memorando escrito por Comey logo após a reunião com Trump, revelado pelo jornal New York Times. “Espero que você possa assumir o compromisso de deixar isso para lá. Deixe Flynn para lá. Ele é um bom sujeito. Espero que você deixe isso para lá”, disse Trump, de acordo com o memorando.

Segundo o documento, Trump disse ao então diretor do FBI que Flynn não havia feito nada errado. Comey não teria dito nada a Trump sobre encerrar a investigação, limitando-se apenas a responder: “Concordo que ele é um bom sujeito”.

Comey falou da existência do memorando a membros de alto escalão do FBI e aliados próximos. O “NYT” não teve acesso a uma cópia do documento, que não é confidencial, mas um dos aliados de Comey, que não quis se identificar, reproduziu o trecho para um repórter do jornal.

Em nota, a Casa Branca negou a versão da reunião apresentada no memorando. “Embora o presidente tenha, repetidas vezes, expressado sua visão do General Flynn como um homem decente, que serviu e protegeu nosso país, o presidente nunca pediu ao Sr. Comey ou a qualquer pessoa que encerrasse qualquer investigação, incluindo qualquer investigação envolvendo o General Flynn. […] O presidente tem o máximo respeito pelas agências de investigação e por todas as investigações. Este não é um retrato preciso ou verdadeiro da conversa entre o presidente e o Sr. Comey”, disse a nota.

O memorando é a mais clara evidência de que Trump tentou influenciar diretamente a investigação do Departamento de Justiça e do FBI sobre os laços entre os aliados de Trump e a Rússia. Na última terça-feira, 16, o presidente da comissão de supervisão da Câmara dos EUA, Jason Chaffetz, exigiu que o FBI entregue até o dia 24 deste mês “todos os memorandos, notas, relatórios e gravações”.

Notas e documentos redigidos por agentes do FBI são fortemente considerados por tribunais como evidências claras de conversas. E Comey é conhecido por seus colegas por documentar conversas que ele acredita que futuramente serão colocadas em questão.

Comey foi demitido repentinamente do cargo de diretor do FBI na semana passada. Ele liderava as investigações sobre o elo entre a campanha de Trump à presidência e a Rússia. Até o momento, o governo Trump deu apenas versões conflitantes sobre os motivos da demissão. A situação se agravou após o presidente americano ameaçar Comey no Twitter, caso ele começasse a vazar informações para a imprensa.

Fontes:
The New York Times-Comey Memo Says Trump Asked Him to End Flynn Investigation

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *