Início » Internacional » Uruguai recebe presos de Guantánamo
Prisão americana em Cuba

Uruguai recebe presos de Guantánamo

Seis homens, incluindo quatro sírios, um palestino e um tunisiano, foram levados para o Uruguai neste final de semana

Uruguai recebe presos de Guantánamo
Campo 6 de Guantánamo (Fonte: Reprodução/AP)

O Uruguai recebeu neste domingo, 7, seis presos da base militar norte-americana de Guantánamo, em Cuba, na qualidade de refugiados.

Entre eles estão quatro sírios, um palestino e um tunisiano. Os seis homens foram levados a um hospital militar, mas apenas um deles permanece internado.

O total de presos em Guantánamo é agora de 136 — o número mais baixo desde janeiro de 2002, quando a prisão militar foi aberta.

O enviado especial do Departamento de Estado para o fechamento de Guantánamo, Clifford Sloan, disse que os EUA agradecem ao “Uruguai por essa ação humanitária importante, e ao presidente Mujica por sua forte liderança no fornecimento de uma casa para os indivíduos que não podem regressar aos seus países”.

Os seis homens — detidos como suspeitos de ligações com a Al-Qaeda, embora nunca tenham sido acusados — foram levados para o Uruguai a bordo de um avião militar norte-americano.

As negociações de transferência dos prisioneiros para o Uruguai começaram em janeiro deste ano. Trata-se do o maior grupo a deixar a prisão de de Guantánamo desde 2009.

Em sua campanha, o presidente dos EUA, Barack Obama, afirmou que iria fechar Guantánamo, mas ainda não conseguiu cumprir a promessa em parte por causa dos obstáculos impostos pelo Congresso norte-americano.

Fontes:
O Globo - Seis prisioneiros de Guantánamo são transferidos para o Uruguai

2 Opiniões

  1. olbe disse:

    Esses homens não são nenhum santinhos por isso estavam lá, presos tanto tempo. Se souberem honrar o perdão e a ajuda humanitária que o Presidente do Uruguay está dando, deveriam começar uma vida nova e agradecer por estarem livres. Tomara que isto aconteça senão…todas as portas do mundo vão se fechar também para seus irmãos.

  2. Roberto1776 disse:

    Fazemos jus ao apelido de AMÉRICA LATRINA.
    Os dejetos vem para cá.
    O pior é que o Uruguai tem fronteira aberta com o Rio Grande do Sul. Agora temos que nos cuidar com o Brasil de um lado, com o Uruguai de outro e Argentina de outro.
    É fogo. E isso tudo depois de quatro anos de Tarso Genro.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *