Início » Internacional » Uruguai vai vender maconha em farmácias
LEGALIZAÇÃO

Uruguai vai vender maconha em farmácias

Governo uruguaio fecha acordo com Associação de Farmácias do país para vender canabis a partir do segundo semestre deste ano

Uruguai vai vender maconha em farmácias
Usuários poderão comprar um limite de 10 gramas por semana (Foto: Flickr/Canabis Project)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A partir do segundo semestre deste ano, as farmácias do Uruguai passarão a vender maconha. A medida resulta de um acordo firmado entre a Associação de Farmácias do país e o Instituto de Regulação e Controle de Cannabis (Ircca), órgão do governo responsável por controlar e regulamentar a produção e a venda de maconha no país.

No acordo, foram estabelecidas as condições de comercialização e as farmácias assinaram um termo de adesão voluntária em que se comprometem a vender a erva de forma segura para o consumo.

O acordo visa aprimorar a implementação da lei 19.172, que legaliza e regulamenta a venda de maconha no Uruguai. A lei, aprovada em 2013, foi proposta pelo ex-presidente uruguaio José Mujica.

Segundo o Secretário Geral da Junta Nacional de Drogas, Milton Romani, as primeiras ervas destinadas às farmácias estão sendo cultivadas em um prédio do governo e devem estar prontas para venda até julho.

Os usuários poderão comprar um limite de 10 gramas por semana. A venda só será permitida a maiores de idade, cidadãos uruguaios e estrangeiros que residem há no mínimo dois anos no país.

Fontes:
O Globo-Uruguai fecha acordo com farmácias para vender maconha

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Ludwig Von Drake disse:

    Alguém tem que dizer para eles que maconha é fumo, tem que vender na tabacaria.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *