Início » Internacional » Vaticano anuncia primeiro acordo com Estado da Palestina
Questão da Palestina

Vaticano anuncia primeiro acordo com Estado da Palestina

O documento reconhece a região como um Estado. O líder palestino, Abbas, será recebido pelo Papa no próximo final de semana

Vaticano anuncia primeiro acordo com Estado da Palestina
O acordo desagradou o governo israelense (Reprodução/Internet)

O Vaticano anunciou nesta quarta-feira, 13, o primeiro acordo oficial com o Estado da Palestina. O documento, que reconhece a região como um Estado, foi elaborado por membros de uma comissão formada por representantes do Vaticano e da Palestina. Segundo o site de notícias oficial do Vaticano, ele deve ser assinado em um “futuro próximo”.

O reconhecimento formal pelo Vaticano legitima os esforços do presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmoud Abbas, para conduzir a Palestina a condição de Estado independente, apesar da paralisação do processo de paz com Israel.

O acordo trata das atividades de caridade e o status legal da Igreja Católica nos territórios palestinos. Segundo Antoine Camilleri, subsecretário do Vaticano para as Relações com os Estados, o documento tem um “elaborado e detalhado” capítulo sobre a “liberdade religiosa e de consciência” e outros que tratam das questões de propriedades e impostos.

Bem recebido pelos palestinos, o acordo desagradou o governo israelense, que condena o crescente reconhecimento internacional do território palestino. O Ministério de Relações Exteriores israelense emitiu um comunicado afirmando que a medida não ajuda nas negociações de paz e que influencia os líderes palestinos a não voltarem às reuniões bilaterais. O governo de Israel disse ainda que vai estudar o acordo para decidir as medidas a serem tomadas.

Desde 1994, o Vaticano tem relações diplomáticas com os palestinos, mas as relações se davam através da Organização para a Libertação da Palestina (OLP). Após a ONU ter declarado a Palestina um Estado observador não-membro, em 2012, o Vaticano começou a se referir ao “Estado da Palestina” em documentos oficiais. O acordo entre Vaticano e Palestina foi finalizado às vésperas da canonização de duas freiras que nasceram em território palestino, agendado para o próximo domingo, 17. Abbas é aguardado para a cerimônia.

Fontes:
New York Times-Vatican to Recognize Palestinian State in New Treaty
The Wall Street World-Vatican to Sign First Treaty With ‘State of Palestine’

1 Opinião

  1. helo disse:

    O reconhecimento do papa talvez ajude nas negociações para a paz.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *