Início » Internacional » Veneza instala catracas para restringir acesso de turistas
ITÁLIA

Veneza instala catracas para restringir acesso de turistas

Com 54 mil habitantes, a cidade de Veneza recebe, por ano, 30 milhões de turistas

Veneza instala catracas para restringir acesso de turistas
População de Veneza diminuiu dois terços desde meados do século passado (Foto: Pixabay)

Numa tentativa polêmica de controlar o fluxo de turistas, a prefeitura de Veneza inaugurou catracas de acesso em algumas regiões da cidade no último sábado, 29. Veneza, que conta com 54 mil habitantes, recebe por ano 30 milhões de pessoas.

No entanto, pouco após as catracas serem inauguradas, uma delas foi arrancada por manifestantes. Cerca de 30 pessoas, moradores e grupos de esquerda, protestaram carregando cartazes com frases como “Veneza não é uma reserva, não corremos risco de extinção”. O protesto foi organizado por jovens de alguns centros sociais locais, como Morion, Sale Docks e o Rivolta di Mestre.

O prefeito Luigi Brugnaro decidiu instalar quatro catracas na cidade: duas na praça de Roma, antes da ponte de Calatrava, e outros duas diante da Igreja dos Descalços. Quando o número de turistas atingir o limite, os acessos serão fechados. “É a primeira vez que tentamos regular os fluxos em Veneza. Claramente, cometeremos muitos erros e teremos muitas críticas, mas, por enquanto, tudo está funcionando perfeitamente”, disse o prefeito. Brugnaro deixou claro que os moradores de Veneza não seriam impedidos de passar pelas catracas, mesmo quando o limite de turistas for atingido.

A população de Veneza diminuiu dois terços desde meados do século passado. Hoje, a população na cidade continua caindo a um ritmo de mil moradores por ano. Entre as causas para a redução da população estão: o aumento do nível da água, que inunda os pontos mais baixos da cidade; o turismo maciço; e a corrosão do tecido comercial e social da cidade.

A chegada de grandes cruzeiros à laguna de Veneza também será restrita. As ações respondem às ameaças da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) de eliminar Veneza da lista das cidades patrimônio da humanidade.

 

Leia também: O perigo de Veneza se tornar a próxima Disneylândia

Fontes:
El País-Veneza inaugura com polêmica as catracas para restringir a entrada de turistas

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *