China

Violência nas escolas

fonte | A A A

Numerosos e recentes casos indicam que o problema não é exclusividade dos EUA.

No dia 13 de setembro, um homem jogou seis crianças da sacada de uma escola em uma pequena cidade chinesa. Jornais locais disseram que o homem era doente mental. Uma menina de nove anos morreu e as outras duas crianças ficaram gravemente feridas. Foi o quinto ataque deste tipo relatado no país desde meados de junho. Esses ataques causaram a morte de quatro crianças e ferimentos em cerca de trinta.

O jornais oficiais da China não publicam com destaque casos como esse, e dão poucas explicações sobre os motivos de ocorrerem tão freqüentemente.

De volta ao topo comentários: (2)

Sua Opinião

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Estado

Cidade

  1. Markut disse:

    A humanidade "civilizada" está doente.
    Há necessidade de entender e explicar esses desvios mentais, que estamos assistindo .É só nos paises mais avançados materialmente?

  2. Dorival Silva disse:

    A comparação com os Estados Unidos é válida apenas em parte. Lá temos visto estudantes atacando seus colegas adolescentes. Aqui, aparentemente, são adultos atacando crianças. Será que isso tem a ver com a proibição de ter mais de um filho, que leva pais a matarem filha recém-nascida para tentar ter um filho homem? Seriam pais revoltados matando os filhos dos outros?