Início » Economia » Volkswagen vai pagar quase US$ 15 bilhões por fraude
ESCÂNDALO DA VOLKS

Volkswagen vai pagar quase US$ 15 bilhões por fraude

Montadora firma acordo para indenizar donos de veículos adulterados com softwares que fraudavam os testes de emissões de carbono

Volkswagen vai pagar quase US$ 15 bilhões por fraude
A quantia é a maior alcançada em um acordo com montadoras na história dos Estados Unidos (Foto: Flickr/The Car Spy)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A Volkswagen fez um acordo que pagará US$ 14,7 bilhões em indenizações por conta do escândalo de fraude nos softwares de carros com motores a diesel revelado no ano passado nos Estados Unidos.

Leia também: Volkswagen: o preço da trapaça
Leia também: Volkswagen registra o primeiro prejuízo em 15 anos
Leia também: A Volkswagen e a era dos softwares fraudadores
Leia também: Volkswagen entra em crise após admitir fraude

O acordo proposto envolve o governo federal dos Estados Unidos e advogados dos proprietários de cerca de 475 mil carros da Volkswagen. A montadora desembolsará em torno de US$ 10 bilhões para comprar de volta os carros adulterados e pagará uma compensação financeira aos donos dos veículos – podendo variar entre US$ 5.100 e US$ 10.000.

Os proprietários poderão ainda optar por submeter o veículo a um conserto do motor a diesel para que carro passe a ter o nível correto de emissão de gases poluentes. No entanto, esse tipo de correção pode provocar uma redução no desempenho do motor.

A quantia é a maior alcançada em um acordo com montadoras na história dos Estados Unidos, superando o caso da Toyota, que teve que desembolsar US$ 1,4 bilhão por conta de uma ação judicial contra veículos com aceleradores defeituosos, e da General Motors (GM), que pagou mais de US$ 2 bilhões aos proprietários de veículos com problemas a ignição. A Toyota ainda teve que pagar US$ 1,2 bilhão para resolver condenações criminais, enquanto a GM pagou US$ 900 milhões.

Em termos comparativos, o acordo da Volkswagen se aproxima dos US$ 18,7 bilhões pagos pela BP no ano passado por conta do vazamento de petróleo ocorrido em 2010 no Golfo do México.

A Volkswagen ainda pagará US$ 2,7 bilhões como forma de compensação pelo impacto ambiental provocado pelos carros adulterados e mais US$ 2 bilhões para serem investidos em pesquisas para projetos de veículos de baixa emissão de gases poluentes. Os termos do acordo serão registrados oficialmente nesta terça-feira, 28, por um juiz federal no estado americano da Califórnia.

Fontes:
New York Times-Volkswagen to Pay $14.7 Billion to Settle Diesel Claims in U.S.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *