Início » Internacional » Winston Churchill é nomeado premier do Reino Unido
NESTA DATA

Winston Churchill é nomeado premier do Reino Unido

O estadista britânico Winston Churchill assumiu o cargo de primeiro-ministro do Reino Unido em 10 de maio de 1940

Winston Churchill é nomeado premier do Reino Unido
Antes de assumir o cargo, aos 65 anos de idade, Churchill ocupara postos importantes na política britânica por quatro décadas (Foto: Wikimedia)

O político conservador e estadista britânico Winston Churchill foi eleito primeiro-ministro britânico em 10 de maio de 1940, após a renúncia de Neville Chamberlain, que perdera um voto de confiança na Câmara dos Comuns apenas oito meses após a Alemanha nazista de Adolf Hitler invadir a Polônia.

Leia também: 5 de abril de 1955: Winston Churchill renuncia
Leia também: A trajetória de Winston Churchill
Leia também: Reino Unido lembra os 50 anos do funeral de Churchill 

Antes de assumir o cargo, aos 65 anos de idade, Churchill ocupara postos importantes na política britânica por quatro décadas. Foi eleito para o Parlamento em 1900, foi secretário para Assuntos Internos em 1910 e ministro da Fazenda entre 1924 e 1929.

Enquanto Churchill fazia críticas ferrenhas ao regime nazista no período entre as duas guerras, chegando a ser acusado de belicista, seu antecessor, Chamberlain, assinara o Pacto de Munique com Hitler em 1938, reconhecendo a conquista alemã da Checoslováquia, mas prometendo “a paz em nossos tempos”. No ano seguinte, quando Hitler quebrou o acordo invadindo a Polônia, Chamberlain perdeu credibilidade. Ele declarou guerra contra a Alemanha, mas mostrou-se incapaz de salvar a Europa do jugo nazista. Em abril de 1940, depois que as forças britânicas não conseguiram impedir a ocupação alemã da Noruega, Chamberlain renunciou, dando lugar para Churchill assumir o posto.

Conhecido por sua capacidade de liderança militar, Churchill formou uma coligação com todos os partidos e rapidamente ganhou o apoio popular dos britânicos. Em 13 de maio, em seu primeiro discurso na Câmara dos Comuns, Churchill declarou: “não tenho nada para oferecer a não ser sangue, sofrimento, lágrimas e suor” e traçou um esboço de seus planos ousados para a resistência britânica. Em seu primeiro ano de governo, o Reino Unido lutava sozinho contra a Alemanha nazista, mas Churchill prometeu que o povo britânico “nunca se renderia”. E ele nunca se rendeu.

Churchill resistiu à dominação nazista e criou as bases para uma aliança com os Estados Unidos e a União Soviética. O premier tinha uma relação de amizade com o presidente americano Franklin D. Roosevelt e, em março de 1941, negociou com os americanos uma ajuda financeira que permitiu à Grã-Bretanha obter crédito para importar equipamentos de guerra dos EUA.

Quando os Estados Unidos entraram na guerra, em dezembro de 1941, Churchill tornou-se confiante de que os aliados sairiam vitoriosos. Nos meses seguintes, Churchill trabalhou em estreita colaboração com o presidente Roosevelt e o líder da União Soviética, Josef Stalin, para forjar a estratégia de guerra e do pós-guerra dos aliados. Em uma série de reuniões, ele colaborou com os dois líderes para combater as potências do Eixo e ajudou a desenhar o mundo do pós-guerra, tendo as Nações Unidas como peça central.

Fontes:
Wikipédia - Winston Churchill
History.com - Churchill becomes prime-minister

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *