Início » Internacional » World Trade Center reabre em Nova York
A volta do World Trade Center

World Trade Center reabre em Nova York

O local que abrigou as torres gêmeas volta a ser ocupado após 13 anos da tragédia

World Trade Center reabre em Nova York
Da torre do prédio se veem o Memorial e Museu National September 11 (Reprodução/DON EMMERT/AFP)

O local que abrigou as torres gêmeas do World Trade Center voltou a ser ocupado após 13 anos do atentado do 11 de setembro. O One World Trade Center, um arranha-céu com 104 andares no centro de Manhattan foi construído no local. O custo total do projeto foi de US$ 3,9 bilhões.

Nesta segunda-feira, 3, a empresa Conde Nast se mudará para o local, que já tem mais de 60% do prédio alugado. O edifício ocupa o epicentro da área destruída no atentado.

Para Patrick Foye, diretor-executivo da Port Authority de Nova York e Nova Jersey, proprietária tanto dos prédios como da área do World Trade Center, “A linha de prédios da cidade de Nova York está recomposta mais uma vez, à medida que o One World Trade Center ocupa seu lugar na Lower Manhattan” disse. Pra Foye, o edifício recria novos padrões de design, construção, prestígio e sustentabilidade.

Além da Conde Nast, outros empresas irão se instalar no local como a firma de publicidade Kids Criative, a operadora de estádios Legends Hospitality, o grupo de assessoria de investimento BMB e a Servcorp, provedora de escritórios executivos.

Da torre do prédio se veem o Memorial e Museu National September 11. Seu objetivo é homenagear aqueles que morreram nos ataques terroristas. A construção do arranha-céu de 541 metros de altura ocorreu após anos de brigas judiciais que chegaram a ameaçar a conclusão do projeto. Conforme outras duas torres começaram a ser construídas (World Trade Center 4 e World Trade Center 3), as brigas foram cessando.

Fontes:
O Globo-World Trade Center reabre 13 anos após atentados terroristas do 11 de Setembro

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *