Início » Economia » Internacional » Ataque a tiros em bar deixa pelo menos 13 mortos na Califórnia
TRAGÉDIA NOS EUA

Ataque a tiros em bar deixa pelo menos 13 mortos na Califórnia

Atirador abriu fogo em uma festa voltada para o público universitário em um bar na cidade de Thousand Oaks. Ainda não se sabe a motivação do ataque

Ataque a tiros em bar deixa pelo menos 13 mortos na Califórnia
A polícia encontrou o corpo do suspeito dentro do banheiro (Foto: Twitter)

Um atirador matou pelo menos 13 pessoas e deixou cerca de 15 feridas em um bar localizado na cidade de Thousand Oaks, na Califórnia, na noite da última quarta-feira, 7.

De acordo com a imprensa americana, pelo menos 100 pessoas estavam no bar, quando o suspeito efetuou mais de 30 disparos, durante uma festa voltada para o público universitário.

Testemunhas disseram à rede de TV ABC News que o homem utilizou uma pistola semi-automática e bombas de fumaça para realizar o ataque.

O xerife Geoff Dean disse que os estudantes utilizaram cadeiras para quebrar as janelas e fugir. Ele descreveu a cena do bar como “horrível”, relatando haver muito sangue no estabelecimento.

A polícia encontrou o corpo do suspeito dentro do banheiro, além de também ter localizado o corpo do policial Ron Helus, ajudante do xerife.

Muitos estudantes que estavam no estabelecimento no momento do ataque eram sobreviventes do tiroteio que aconteceu em um festival em Las Vegas, há pouco mais de um ano.

O atirador foi identificado como Ian David Long, de 28 anos. Seu corpo foi encontrado com ferimentos provocados por arma de fogo. Autoridades acreditam que ele tenha se suicidado.

No passado, Long fez parte do corpo de Fuzileiros Navais dos EUA.

De acordo com o xerife, ele tinha problemas de saúde mental e em abril deste ano, uma equipe de saúde foi enviada à sua casa, por conta de um distúrbio.

Sobrevivente de ataque em Las Vegas, perde a vida

Telemachus Orfanos, que tinha sobrevivido ao ataque em um hotel cassino, em Las Vegas, infelizmente perdeu a vida ao ser alvejado pelo ex-fuzileiro naval, Ian David Long.

Foto: Facebook

Foto: Facebook

A mãe de Orfanos, que tinha 27 anos, confirmou o falecimento do filho à imprensa americana. Susana Orfanos diz não querer orações, e sim, o controle de armas nos Estados Unidos.

“Meu filho estava em Las Vegas com vários amigos, e ele voltou para casa. Ele não voltou na noite passada, e eu não quero orações. Eu não quero que me enviem pensamentos [de solidariedade]. Eu quero controle de armas, e eu peço a Deus que ninguém me mande mais orações. Eu quero controle de armas”, destacou Susan em entrevista à rede ABC News.

Criado em Thousand Oaks, Telemachus era da Marinha Americana e trabalhava em uma concessionária de carros da cidade.

Fontes:
G1-Atirador deixa mortos e feridos em bar na Califórnia
The New York Times-12 Killed in California Shooting; Gunman Targeted Bar in Thousand Oaks

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *