Início » Brasil » Carlos Bolsonaro publica lista de transações suspeitas com nome de irmão
BRASIL

Carlos Bolsonaro publica lista de transações suspeitas com nome de irmão

Vereador do Rio de Janeiro publicou lista para responder postagem feita pelo deputado federal Marcelo Freixo (Psol-RJ)

Carlos Bolsonaro publica lista de transações suspeitas com nome de irmão
Freixo e Carlos Bolsonaro se envolveram em mais uma discussão nas redes sociais (Foto: Renan Olaz/CMRJ)

O vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) publicou nas redes sociais uma lista de políticos com transações financeiras suspeitas. A lista, que faz parte de um relatório do Conselho de Controle das Atividades Financeiras (Coaf), conta com o nome do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), irmão de Carlos.

A publicação do vereador, feita no último sábado, 17, tinha como objetivo responder uma postagem do deputado federal Marcelo Freixo (Psol-RJ). Freixo questionava o ministro da Justiça, Sérgio Moro, sobre uma possível intervenção do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal.

“E aí, @SF_Moro [Sérgio Moro], você vai continuar nesse silêncio constrangedor enquanto o seu chefe @jairbolsonaro desmoraliza a Polícia Federal pra blindar o [Fabrício] Queiroz e proteger a família? Prefere ficar calado pra não melindrar o clã, ministro?”, escreveu Freixo.

Foto: Carlos Bolsonaro/Twitter

Em resposta, Carlos Bolsonaro publicou a lista, divulgada pela Folha de São Paulo em dezembro do ano passado. A intenção do vereador do Rio de Janeiro era atacar deputados estaduais do Psol envolvidos em movimentações financeiras suspeitas, mas a lista também contava com o nome de Flávio Bolsonaro.

“Aí maluc(x), o que tem pra falar sobre estes casos dos amigos do PSOL?  Ou vai continuar fingindo que nada existe e que Copacabana Palace é Venezuela ou Cuba?”, escreveu Carlos Bolsonaro. Na lista, é possível ler os nomes de Eliomar Coelho e Wanderson Nogueira, ambos do Psol. Nogueira, porém, teve o nome retirado da relação, com o Coaf admitindo o equívoco em incluí-lo.

Diante da publicação do Carlos Bolsonaro, Freixo provocou, chamando o vereador do Rio de Janeiro de “confuso”. “Ele fica tão nervoso que daqui a pouco vai divulgar a lista dos funcionários fantasmas do seu próprio gabinete”, escreveu o deputado federal. Bolsonaro, por sua vez, voltou a perguntar sobre Eliomar Coelho.

O relatório do Coaf, que resultou na lista divulgada por Carlos Bolsonaro, foi feito no âmbito da Operação Furna da Onça a pedido do Ministério Público Federal. A operação resultou na prisão de dez deputados estaduais do Rio de Janeiro em 2018. O nome do senador Flávio Bolsonaro está na lista devido às movimentações feitas pelo seu ex-assessor Fabrício Queiroz.

Fontes:
Uol-Carlos Bolsonaro publica lista de transações suspeitas que inclui irmão

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Rogerio Faria disse:

    “Se gritar pega ladrão não fica um meu irmão…”

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *