Início » Economia » Internacional » Israel adota tolerância zero em Jerusalém
Tensão em Jerusalém

Israel adota tolerância zero em Jerusalém

Medida foi implementada um dia após um palestino atropelar e matar um bebê israelense

Israel adota tolerância zero em Jerusalém
Policial opera nas proximidades do acidente que culminou na morte de um bebê (Reprodução/Ahmad Gharabli/AFP)

A polícia israelense anunciou na última quinta-feira, 23, que aplicará “tolerância zero” ante a qualquer manifestação de violência em Jerusalém. A medida foi implementada um dia após um palestino atropelar e matar um bebê israelense.

“Toda a tentativa de atacar os habitantes de Jerusalém será severamente punida”, advertiu em comunicado o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu.

As forças de segurança estiveram nas ruas da cidade na última na última quinta-feira, após uma noite de noite de ocorrências, incluindo ataques com pedras em Jerusalém Oriental, onde residia o autor do atropelamento, o jovem palestino Abed Abdelrahman Shaludeh.

O jovem palestino foi baleado quando tentava fugir a pé do local do acidente (um ponto de ônibus). Ele morreu em um hospital da cidade. Quatro membros da família de Shaludeh foram detidos ao tentar visitá-lo no hospital.

“As forças de segurança foram reforçadas, principalmente a guarda de fronteira, as unidades de patrulhas especias (Yasam) e as especializadas em distúrbios da ordem pública”, revelou o porta-voz policial, Micky Rosenfeld. Os Estados Unidos pediram calma a todas as partes e para evitar o aumento da tensão.

Fontes:
Folha de S. Paulo-Israel promete tolerância zero após morte de bebê em Jerusalém

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *