Início » Internacional » Maioria nos EUA quer impeachment de Trump, aponta pesquisa
ESTADOS UNIDOS

Maioria nos EUA quer impeachment de Trump, aponta pesquisa

Segundo pesquisa, 55% apoiam processo de impeachment

Maioria nos EUA quer impeachment de Trump, aponta pesquisa
Trump afirmou que o pedido de impeachment é uma 'caça às bruxas' (Fonte: Reprodução/Wikimedia Commons)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Uma pesquisa feita pela empresa YouGov para a rede de TV CBS aponta que 55% dos americanos entrevistados são a favor da abertura de um processo de impeachment contra o presidente Donald Trump.

O pedido de impeachment contra Trump se baseia na polêmica envolvendo a tentativa de recrutar o governo da Ucrânia para interceder a seu favor e contra Joe Biden na eleição presidencial de 2020.

O presidente americano nega qualquer irregularidade e afirmou que o pedido de impeachment é uma “caça às bruxas”.

A pesquisa revelou também que 42% dos entrevistados consideram que Donald Trump merece sofrer o impeachment por conta dessa situação. Outros 36% são contra e 22% afirmaram que ainda é cedo para responder.

O levantamento, feito pela internet entre os dias 26 e 27, contou com a participação de 2.059 residentes dos EUA. A margem de erro é de 2,3 pontos percentuais.

O pedido só será julgado no Senado se for aprovado pela maioria simples dos deputados. Na Câmara, os democratas são maioria. Já no Senado, o partido Republicano é predominante, o que torna o cenário mais favorável a Donald Trump.

Ainda de acordo com a pesquisa, enquanto apenas 23% dos republicanos apoiam a abertura do processo de impeachment, entre os democratas o apoio chega a 87%.

Fontes:
Uol - Nos EUA, maioria apoia processo de impeachment contra Trump, diz pesquisa

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

3 Opiniões

  1. DINARTE DA COSTA PASSOS disse:

    Impeachment de TRUMP indefinição nas eleições israelenses, como fica a situação do Bolsonaro? Totalmente isolado do mundo tendo, apenas, duas potências que o apoiam, mas nas duas pode sofrer revés.

  2. Rogerio de Oliveira Faria disse:

    Sem Trump, Netanyahu e Macri na “corda bamba”, acho que o neoliberalismo tupiniquim “vai para o saco”.

  3. ACM disse:

    Segundo a Reuters.com, “Apoio americano ao impeachment de Trump sobe para 45% em meio à questão da Ucrânia: pesquisa Reuters / Ipsos” (30-set-2019)
    .
    Os investidores (a classe mais bem informada por dever de oficio), estao achando q esse impeachment pode dar em nada (“Where Markets Can Get New Footing as Impeachment Inquiry Loosens Grounds”, Shah Gilani, newsletter de 30-set-2019).
    .
    Na pratica, essa historia da Ukrania e’ apenas uma cortina de fumaca.
    .
    Com efeito, Wall Street nao se conforma de ter jogado fora, nessa eleicao, a mais alta soma da historia dos EUA em propaganda eleitoral. Conseguiram q ate mesmo o Estadao (junto com a grande midia internacional) noticiasse em manchete, `as vesperas da eleicao, “Hillary tem 95% de chance de ganhar a eleicao” (uma tipica fake news). Mas os investidores ja haviam comentado entre si q Trump venceria. E a Cambridge Analytica, uma empresa de polling, tb acertou essa previsao, praticamente a unica a contrariar a propaganda da grande midia.
    .
    Trump entrou para virar o jogo e, claro, enfureceu aqueles q se beneficiavam do jogo. Como disse em seu discurso de posse: “Os políticos prosperaram, mas os empregos se foram e as fábricas fecharam. O establishment político protegeu a si, mas não aos cidadãos.” (21-jan-2017) Nota: qq semelhanca com o Brasil NAO e’ mera coincidencia.
    .
    Agora, os perdedores estao fazendo de tudo para voltar ao q era antes, ate mesmo procurando cabelo em ovo na Ukrania, ja q tentativas anteriores nao funcionaram (exceto fechar a Cambridge Analytica, uma empresa privada).
    .
    Mas as perspectivas de derrubar Trump nao sao alvissareiras: a maioria do Senado e’ republicana (e pode barrar o impeachment da Camara, com maioria democrata) e, nos EUA, o presidente geralmente e’ reeleito.
    .
    Curiosamente, por aqui tb a torcida deserdada quer derrubar o presidente, mas isso esta’ dificil, pois aqui seu lider e’ presidiario.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *